Justiça de SP determina que praia do Sorocotuba, em Guarujá, seja aberta ao público

A praia é cercada por condomínios particulares e, assim, não podia ser visitada pelo público em geral.

Comentar
Compartilhar
18 MAR 2018Por Da Reportagem14h13
Local é cercado por condomínios, que proibiam o acesso de banhistas que não fossem dali.Foto: Fotos Públicas/Divulgação/Internet

A Justiça de São Paulo determou que qualquer placa ou acesso restritivo aos banhistas em geral sejam retirados da praia do Sorocotuba, em Guarujá. A decisão nega um recurso já tentado pelos moradores dos condomínios ao entorno da praia, numa ação anteriormente aberta pela prefeitura da cidade.

O Ministério Público já investigava denúncias de que funcionários dos condomínios que cercam o local estavam proibindo o público em geral de frequentar a praia, alegando que ela se tratava de uma propriedade particular, o que não é verdade. 

Alguns administradores dos condomínios ainda tentaram derrubar a decisão, porém, sem sucesso. 

A Prefeitura de Guarujá disse que, assim que for notificada, fiscalizará a praia para garantir o cumprimento da determinação judicial.