Guarujá vai seguir novas medidas restritivas impostas pelo Governo do Estado

Municípios da Baixada Santista regrediram no Plano São Paulo, da fase amarela para a laranja. Aos finais de semana, feriados e períodos noturnos, todo o Estado ficará na fase vermelha, com funcionamento apenas dos serviços essenciais

Comentar
Compartilhar
22 JAN 2021Por Da Reportagem21h18
As praias seguem liberadas para banhistas, porém, com regras.Foto: Arquivo/DL

Guarujá seguirá as medidas restritivas impostas pelo Governo de São Paulo nesta sexta-feira (21), que reclassificou a Baixada Santista para a fase laranja do Plano São Paulo durante os dias de semana e colocou todo o Estado na fase vermelha aos finais de semana e feriados. O uso das praias seguirá com limitações em relação ao uso de guarda-sóis, conforme decreto municipal publicado em dezembro.

As mudanças em relação ao faseamento laranja serão válidas a partir da próxima segunda-feira (25) e só durante os dias úteis. Aos finais de semana, feriados e períodos noturnos (das 20 às 6 horas), passará a valer a fase vermelha, apenas com serviços essenciais em funcionamento.

Mesmo com índices do Município apontando baixo comprometimento da rede pública em relação a leitos covid (29% de ocupação nas UTIs, ante 45% na média da Baixada Santista), o Governo do Estado justificou a decisão argumentando que está tentando desincentivar a procura de pessoas de regiões onde a situação da pandemia está comprometida, e, portanto com restrições maiores, para locais como a própria Baixada, que detém números melhores.

Fiscalização de ônibus e vans

Segue em andamento o trabalho realizado pela Prefeitura para impedir a entrada de ônibus e vans de turismo na Cidade. São seis barreiras montadas nos acessos ao Município, em ligações com a Rodovia Cônego Domenico Rangoni e também nas travessias de balsas de Santos e Bertioga. A emissão de licenças para o ingresso deles está suspensa desde novembro.

Novas medidas impostas pelo Plano São Paulo

O novo pacote de restrições imposto pelo Governo do Estado colocou a Baixada Santista na fase laranja durante os dias úteis, a partir da próxima segunda-feira (25), sempre até as 20 horas. Deste horário até às 6 horas do dia seguinte, nos finais de semana e feriados, seguem válidas as restrições do faseamento vermelho, onde só serviços essenciais podem funcionar.

Isso significa que o comércio em geral fica restrito ao funcionamento no sistema delivery, com atendimento presencial apenas em serviços como farmácias, supermercados, postos de combustíveis, entre outros.

Praias

As praias seguem liberadas para banhistas, porém, com regras. Conforme o decreto municipal 14.039, publicado em 18 de dezembro de 2020, está permitida a disponibilização, por cada ambulante ou quiosque, de no máximo 10 guarda-sóis, com duas cadeiras cada. Para hotéis, pousadas e condomínios, a regra tem uma diferença: a disponibilização está restrita a um guarda-sol e duas cadeiras para cada quarto/unidade habitacional.