X

Guarujá

Cemitérios de Guarujá recebem ações para o feriado

A estimativa é que 20 mil pessoas visitem os três equipamentos públicos

Da Reportagem

Publicado em 22/10/2018 às 14:50

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

De acordo com a estimativa da diretoria de Cemitérios e Serviços Funerários, os três equipamentos públicos devem receber cerca de 20 mil pessoas na data / Hygor Abreu

Ao longo deste mês, a Secretaria de Operações Urbanas (Seurb) executou uma série de ações nos cemitérios de Guarujá, para receber os visitantes no Dia de Finados, celebrado em 2 de novembro. De acordo com a estimativa da diretoria de Cemitérios e Serviços Funerários, os três equipamentos públicos devem receber cerca de 20 mil pessoas na data.

Em virtude do feriado, os serviços de zeladoria, como capinação e roçada, foram reforçados. Para prevenir a proliferação do mosquito Aedes aegypti, os agentes de combate e controle às endemias da Secretaria de Saúde, desenvolveram uma ação nos locais que contou com nebulização - que é a aplicação do inseticida para matar os mosquitos, e também o larvicida, que visa eliminar larvas e possíveis focos.

Conforme o previsto, a reforma dos passeios também foi finalizada, assegurando a acessibilidade dos visitantes. O interior das capelas do Cemitério da Saudade (Vila Júlia) e da Consolação (Vicente de Carvalho) recebeu pintura, tornando o ambiente mais acolhedor às famílias. Já a área externa e as guias dos três locais também foram pintadas.

Melhorias

Até o final do ano, três portões serão construídos para a entrada de cemitérios e de velórios. "Adquirimos ferros galvanizados para construir um portão para o velório e outro para o cemitério da Vila Júlia. O terceiro será para entrada do Cemitério Jardim da Paz, no Morrinhos. A construção será feita com mão de obra da secretaria", afirmou o diretor de Cemitérios e Serviços Funerários, José Maria dos Santos.

Fucem

Desde que a Lei Municipal 4433/2017 entrou em vigor, criando o Fundo Municipal dos Cemitérios Públicos de Guarujá (Fucem), os cemitérios de Guarujá foram amplamente revitalizados. Nas áreas externas, refletores foram instalados, garantindo a segurança do patrimônio público e de munícipes. O Fucem também possibilitou a contratação de empresa terceirizada para manutenção do local, além da aquisição de bebedouros, tendas, ventiladores, entre outros itens.

Programação de Missas de Finados

Quinta-feira (1)

Cemitério da Consolação (Vicente de Carvalho)

16 horas – celebração realizada pela Paróquia São José


Sexta-feira (2)

Cemitério da Consolação (Vicente de Carvalho)

8 horas – celebração realizada pela Paróquia São José

10 horas – celebração realizada pela Paróquia São José

16 horas – celebração realizada pela Paróquia Nossa Sra. das Graças

Cemitério da Saudade (Vila Júlia)

 16 horas – celebração realizada pela Paróquia Santa Rosa de Lima

Cemitério Jardim da Paz (Morrinhos)

9 horas – celebração realizada na Paróquia Senhor Bom Jesus

Apoie o Diário do Litoral
A sua ajuda é fundamental para nós do Diário do Litoral. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós do Diário do Litoral temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para o Diário do Litoral continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Economia

Com prejuízo de R$ 500 mi, Carrefour anuncia o fechamento de 123 lojas

Entre as unidades fechadas, 16 são hipermercados da própria marca; os demais são de bandeiras Todo Dia, Nacional e Bom Preço

Cubatão

Tragédia da Vila Socó, em Cubatão, completa 40 anos

Incêndio teve início no dia 24 de fevereiro de 1984 e, oficialmente, matou 93 pessoas. No entanto, segundo uma comissão, o número de mortos pode superar 500 pessoas

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter