Agente da GCM de Guarujá é atingido por disparo e salvo por celular; fotos

Imagens divulgadas pela Prefeitura mostram aparelho com a tela completamente destruída após projétil atingir GCM

Comentar
Compartilhar
05 AGO 2021Por Da Reportagem10h15
Agente não ficou ferido e foi liberado de UPA após permanecer em observaçãoAgente não ficou ferido e foi liberado de UPA após permanecer em observaçãoFoto: Divulgação

Um agente da Guarda Civil Municipal de Guarujá foi salvo de um disparo de arma de fogo após um celular que o profissional carregava ter bloqueado o projétil com a ajuda do colete à prova de balas que o mesmo vestia no momento. O caso foi registrado nesta quinta-feira (5).

O disparo contra o profissional ocorreu enquanto os agentes da GCM efetuavam o cumprimento de um mandado de prisão. Segundo informações da Prefeitura de Guarujá, o agente de segurança pública não ficou ferido, mas ficou em observação na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Rodoviária antes de ser liberado.

A Prefeitura também liberou imagens dos equipamentos utilizados pelo GCM no momento em que ele foi alvejado. A tentativa de homicídio foi registrada no DP Sede de Guarujá e a Polícia Civil já iniciou uma investigação.