Unisanta garante quatro ouros no primeiro dia do Maria Lenk

No total, foram sete medalhas, sendo quatro ouros, uma prata e dois bronzes

Comentar
Compartilhar
03 MAI 2017Por Da Reportagem11h02
Joanna Maranhão e Guilherme Costa quebraram recordes na provas de 400m livreJoanna Maranhão e Guilherme Costa quebraram recordes na provas de 400m livreFoto: Divulgação/ E5+ Comunicação

O primeiro dia de finais no Troféu Maria Lenk foi especial para a natação da Unisanta. A equipe santista conquistou sete medalhas, sendo quatro de ouro, uma prata e dois bronzes. Além dos triunfos, Joanna Maranhão e Guilherme Costa quebraram recordes na provas de 400m livre, realizadas no Parque Aquático Maria Lenk, no Rio de Janeiro (RJ).
 
Na disputa em que a Unisanta teve o maior número de representantes na final, Joanna Maranhão liderou os 400m livre feminino do começo ao fim e de quebra, bateu o recorde brasileiro da prova, com o tempo de 4m9s41. Poliana Okimoto ainda garantiu o bronze para a Unisanta, com 4m14s12.
 
“Me senti muito leve, como venho nadando nos treinamentos. É uma prova que não nado muito e meu melhor tempo era 4m12. Ter conseguido ir bem e conquistar o recorde brasileiro, aos 30 anos, me deixou muito feliz e motivada para os próximos dias de competição’, comentou Joanna.

A primeira medalha da Unisanta no masculino veio nos 400m livre com a jovem revelação da natação brasileira, Guilherme Costa. Nadando na piscina onde treina diariamente, o atleta de 18 anos desbancou os adversários nos últimos 50m, saindo da terceira para a primeira posição. Com o tempo de 3m49s49, o nadador, que já é o atual recordista Sul-Americano dos 1500m, não alcançou o recorde dos 400m no continente por três centésimos.
 
“De fato, os 400m não é minha especialidade e vi nos 250m que estava muito atrás. Mas mantive a calma e a estratégia que fiz com o meu treinador para dar o meu melhor no final, já que sou um nadador de resistência. Deu certo. Estou muito feliz por essa medalha e pelo meu desempenho, já que por pouco não consigo meu segundo recorde sul-americano”, disse Guilherme Costa.

Já Daiene Dias comprovou o bom desempenho da classificação pela manhã, que a colocou com o melhor tempo da eliminatória, e faturou o ouro nos 100m borboleta, com o tempo de 58s98.
 
“Queria nadar na casa dos 58 segundos e consegui. É a minha primeira prova representando a Unisanta e fico muito feliz em poder ajudar a equipe neste Maria Lenk”, analisou Daiene.
 
O último ouro do dia para a Unisanta veio no revezamento 4x50m feminino (1m41s27), com Andrea Berrino, Gabrielle Roncatto, Alessandra Marchioro e novamente, Daiene Dias. A equipe ainda levou uma prata, com Julia Sebastian, nos 100m peito feminino (1m08s05), e o bronze no revezamento 4x50m masculino (1m29s20), com Gabriel Cardenes, Matheus Santana, Felipe Ribeiro e Nicholas Santos.

Com as sete medalhas e o ótimo desempenho, o time ceciliano terminou o primeiro dia na terceira posição da competição, com 269 pontos. A primeira colocação está com o Pinheiros, com 347,50 pontos, e a segunda, com o Minas, com 329,50.

Unisanta no segundo dia do Maria Lenk

Nesta quarta-feira (3), a partir das 9h30, tem início o segundo dia de competições do Maria Lenk. A Unisanta terá 15 atletas nas eliminatórias, em três provas diferentes, além dos revezamentos 4x200m masculino e feminino.
 
Nos 100m costas, competem Marina Nascimento e Andrea Berrino, no feminino, e João Victor Pena, Leonardo Fim e Nelson Júnior, no masculino.
 
Em seguida, iniciam as disputas nos 200m medley, com Joanna Maranhão, Gabrielle Roncatto e Patricia Neumann, entre as mulheres, e Thiago Simon e Gabriel Romano, entre os homens.
 
Nos 1500m nado livre, a Unisanta terá na água Poliana Okimoto, Ana Marcela Cunha e Carolina Bilich, no feminino, e Cassio Brito e Victor Colonese, no masculino. As finais começam novamente a partir das 17h30.
           
Os melhores do Maria Lenk competem por vagas no Mundial de Esportes Aquáticos da FINA, que será em julho, em Budapeste, na Hungria, e também para o Mundial Junior de Natação, que acontecerá em agosto, em Indianápolis, nos Estados Unidos.
 
Resultados da Unisanta nas finais desta terça-feira (2):

100m Borboleta Feminino
Final A
1º - Daiene Dias – 58s98
 
100m Borboleta Masculino
Final A
5º - Leonardo de Deus – 53s10
 
400m Livre Feminino
Final A
1º - Joanna Maranhão - 4m9s41 (recorde brasileiro)
3º - Poliana Okimoto - 4m14s12
8º - Carolina Bilich – 4m21s72
 
Final B
10º - Ana Marcela Cunha – 4m19s50
15º - Isabel Fagundes – 4m25s11
 
400m Livre Masculino
Final A
1º - Guilherme Costa - 3m49s49
 
Final B
11º - Victor Colonese – 3m5878
 
100m Peito Feminino
Final A
2º - Julia Sebastian – 1m08s05
 
100m Peito Masculino
Final A
4º - Felipe França – 1m01s04
7º - Thiago Simon – 1m01s47
 
Revezamento 4x50m Feminino
1º - Unisanta (Andrea Berrino, Daiene Dias, Gabrielle Roncatto e Alessandra Marchioro) – 1m41s27
Revezamento 4x100m Masculino
3º - Unisanta (Gabriel Cardenes, Matheus Santana, Felipe Ribeiro e Nicholas Santos) - 1m29s20
 
Classificação da Unisanta após o primeiro dia:

1º Pinheiros – 347,50
2º Minas – 329,50
3º Unisanta – 269,00
4º Sesi – 76,00
5º GNU – 70,00
 
Nadadores da Unisanta nas eliminatórias desta quarta-feira (3):

100m Costas Feminino
Marina Nascimento
Andrea Berrino
 
100m Costas Masculino
João Victor Pena
Leonardo Fim
Nelson Júnior
 
200m Medley Feminino
Joanna Maranhão
Gabrielle Roncatto
Patricia Neumann
 
200m Medley Masculino
Thiago Simon
Gabriel Romano
 
1500m Nado Livre Feminino
Poliana Okimoto
Ana Marcela Cunha
Carolina Bilich
 
1500m Nado Livre Feminino
Cassio Brito
Victor Colonese