X

Esportes

Unisanta apresenta equipe para os Jogos Olímpicos de Paris 2024

A Natação Unisanta se consagrou campeã inédita da Seletiva Olímpica Brasileira (Troféu Brasil 2024), com 1.300 pontos

Carlos Ratton

Publicado em 15/05/2024 às 09:19

Atualizado em 15/05/2024 às 09:30

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

A Universidade Santa Cecília apresentou oficialmente o time de natação classificado para os Jogos Olímpicos de Paris 2024 / Carlos Ratton/DL

A Universidade Santa Cecília apresentou oficialmente, nesta terça-feira (14), o time de natação classificado para os Jogos Olímpicos de Paris 2024, que acontece este ano. É a maior equipe de uma universidade ou clube brasileiro. Ontem ocorreu a última coletiva de Imprensa antes da blindagem de treinos para a competição.

Siga as notícias do Diário do Litoral no Google Notícias

Os nadadores classificados são Beatriz Dizotti, Gabi Roncatto, Guilherme Basseto, Guilherme Cachorrão, Mafe Costa, Maria Paula Heitmann e Stephanie Balduccini e Leonardo de Deus – este último aguardando somente a liberação do da Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos – CBDA (ver nesta reportagem).   

A Natação Unisanta se consagrou campeã inédita da Seletiva Olímpica Brasileira (Troféu Brasil 2024), com 1.300 pontos. Os nadadores cecilianos também conquistaram prêmio individuais.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

Mafe Costa foi eleita a atleta feminina com o melhor índice técnico e eficiência, enquanto Guilherme Cachorrão recebeu o prêmio de melhor eficiência masculina.

As primeiras medalhas da Unisanta vieram nos 800m livre com o trio Mafe Costa, Gabi Roncatto e Beatriz Dizotti. Com 8m28s92, Mafe conquistou o ouro e estabeleceu novo recorde brasileiro na prova, enquanto Gabi alcançou o segundo lugar (8m33s33) e Beatriz ficou em terceiro (8m33s35). Na mesma prova, Maria Paula Heitmann fez 8m43s66 para conquistar o quinto lugar.

Na etapa masculina, Guilherme Cachorrão confirmou o favoritismo e conquistou o ouro. Além disso, o ceciliano confirmou o índice olímpico de salvaguarda.

Presente à cerimônia e bastante emocionado, o presidente do Conselho de Administração da Universidade Santa Cecília, Marcelo Teixeira, agradeceu aos atletas, técnicos e professores pela conquista da seletiva olímpica. “Vocês escreveram um capítulo importante da história da Universidade. Santos, hoje, é a capital da natação brasileira. Poucas instituições de ensino chegaram a esse nível e isso é fruto de muito investimento no esporte”, disse.

O prefeito Rogério Santos, também presente, disse que também estava muito emocionado porque, entre outras coisas, foi atleta e aluno da Unisanta. “Cheguei a competir, mas nunca atingi o nível desses valorosos atletas. O Troféu Brasil foi um sonho realizado e acredito que a medalha olímpica também virá, tenho certeza disso”.

O técnico da equipe da Unisanta, professor Marcel Ferreira, disse que dará suporte, em Paris, para a atleta de maratona aquática e campeã olímpica Ana Marcela Cunha, que também faz parte da equipe da Universidade que estará em Paris.

“Terei uma responsabilidade muito grande. A Unisanta vem colhendo frutos de muito trabalho e eu faço parte desse processo de campeões”, disse, ao lado do técnico da equipe brasileira, Fernando Possenti. “A Unisanta tem o mérito de anos a fio manter o incentivo ao esporte e isso é que é meritocracia”, completou Possenti.

Leonardo UnisantaLeonardo de Deus acredita ter direito a uma vaga nas Olimpiadas (Carlos Ratton)

Leonardo

Em entrevista ao Diário, Leonardo de Deus acredita ter o direito de ser o 19º integrante da seleção brasileira de natação que vai aos Jogos Olímpicos de Paris. Ele alega que fez o índice olímpico durante o Troféu Brasil do ano passado e deveria ser chamado para disputar os 200 metros borboleta na França.

“A CBDA abriu um precedente para um atleta e acredito que deve abrir para mim porque obtive a mesma pontuação”, espera. Leo deve ser o capitão da equipe, caso vá à França.    

A CBDA teve como critério principal a chamada "seletiva única", mas criou o que chamou de salvaguardas. Atletas que nadaram abaixo do índice nos Mundiais 2023 e 2024 e no Pan, entre outros eventos, poderiam ser convocados em provas em que as cotas não fossem ocupadas pela seletiva.

A Unisanta tem o patrocínio do Brasil Terminal Portuário, Itaú, Eldorado Brasil, Copersucar, BTG Pactual, Banco Alfa, XP e Governo Federal, por meio da Lei de Incentivo ao Esporte. Tem apoio da Fundação Pro Esporte de Santos (Fupes).

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Santos

Acesso ao Monte Serrat passará por obras ainda neste mês, em Santos

Atualizações têm por intuito garantir mais segurança e conforto aos moradores e visitantes

Santos

Minifestival Santos Café terá degustação, oficinas e música; veja programação

Também comemorando o Dia Nacional do Café (24 de maio), o festival dividirá suas atrações entre o bulevar da Rua XV de Novembro e Museu do Café

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter