Tite não se importa com o interesse da Inter de Milão em Paulinho

O volante tem declarado que não deseja deixar o Corinthians no momento.

Comentar
Compartilhar
28 JAN 201321h10

Acostumado com as especulações sobre uma eventual saída do volante Paulinho para o futebol europeu, o técnico Tite não demonstrou preocupação com a investida que a italiana Internazionale promete fazer pelo jogador do Corinthians. Massimo Moratti, presidente do clube de Milão, disse ter enviado o diretor técnico Marco Branca a São Paulo para viabilizar o negócio.

“Essa história não é nova. Já é antiga para caramba. A ideia do Corinthians é manter os seus profissionais de qualidade. O clube preza por isso”, avisou Tite, contando com a aprovação de Duílio Monteiro Alves, diretor adjunto de futebol. Nesta segunda-feira, ambos foram ao lançamento de um livro de fotos sobre a conquista do Mundial de Clubes do ano passado.

De qualquer forma, a Inter de Milão conta com dinheiro em caixa para fazer Duílio e os demais dirigentes corintianos mudarem de ideia. Com as vendas do brasileiro Philippe Coutinho para o Liverpool e do holandês Sneijder para o Galatasaray, o clube italiano somaria € 17,5 milhões (o equivalente a quase R$ 50 milhões) para investir em reforços.

Fechado a negociações, o Corinthians comprou 50% dos direitos econômicos de Paulino no fim do ano passado por € 5 milhões – a outra metade é do Audax, do Grupo Pão de Açúcar – e não quis se desfazer dele antes e depois da última Copa Libertadores da América.

Por sua vez, Paulinho trocou recentemente a Brunoro Sports, que agenciava a sua carreira, pelo empresário Giuliano Bertolucci. O volante tem declarado que não deseja deixar o Corinthians no momento.

A Inter de Milão conta com dinheiro em caixa para contratar Paulinho (Foto: Divulgação)