Esportes

São Paulo perde para o Cuiabá e tem sua invencibilidade derrubada

Com o resultado, o clube paulista estacionou nos 15 pontos e pode deixar o G6 ao término da rodada

BRUNO MADRID - Folhapress

Publicado em 19/06/2024 às 22:13

Atualizado em 19/06/2024 às 22:28

Comentar:

Compartilhe:

Eliel, já nos minutos finais do 2° tempo, cravou o gol que deu a primeira vitória dos mato-grossenses no estádio do Tricolor / Rubens Chiri/São Paulo FC

Na noite desta quarta-feira (19), o São Paulo perdeu para o Cuiabá por 1 a 0, e viu  a invencibilidade de Luis Zubeldía ruir após 12 jogos, em partida pelo Campeonato Brasileiro, no MorumBis.

Eliel, já nos minutos finais do 2° tempo, cravou o gol que deu a primeira vitória dos mato-grossenses no estádio do Tricolor.

Com o resultado, o clube paulista estacionou nos 15 pontos e pode deixar o G6 ao término da rodada. Os visitantes, por outro lado, subiram aos 10 pontos e se distanciaram ainda mais do Z4.

O São Paulo volta a jogar no sábado (22), quando encara Vasco fora de casa. No mesmo dia, o Cuiabá recebe o Atlético-GO ambos os duelos são válidos pelo Brasileirão.

COMO FOI O JOGO

O 1° tempo foi de pouca inspiração por parte dos mandantes, que viram o adversário protagonizar as melhores chances. Max acertou a trave, Marllon e Matheus Alexandre erraram o alvo e Denílson obrigou Jandrei a trabalhar. Pelo lado do Tricolor, os erros de passe dificultaram uma investida mais aguda.
Na etapa final, o São Paulo até melhorou ao investir pelos lados, mas foi punido pela desatenção: em um lançamento despretensioso da zaga, Pitta ganhou de Arboleda e deu início ao gol de Eliel já na casa dos 36 minutos. O gol esfriou qualquer reação por parte dos donos da casa.

GOLS E DESTAQUES

Jandrei atrapalhado, Calleri impedido... O Tricolor iniciou a partida diante de um rival que não se fechou: o Cuiabá apertou a saída de bola paulista e, em uma delas, o goleiro Jandrei se atrapalhou e deu um passe bizarro que gerou escanteio dos visitantes. Os donos da casa se recuperaram quando Calleri tabelou com Luciano e, mesmo impedido, forçou a defesa de Walter.

Mato-grossenses melhoram e assustam. O elenco comandado interinamente por Nuno Pereira passou a ganhar espaço e quase abriu o placar aos 20 minutos com Max, que aproveitou bobeada de Arboleda e carimbou o travessão do São Paulo. Pouco tempo depois, foi a vez de Marllon cabecear para fora e Matheus Alexandre errar o alvo.

São Paulo abusa dos erros e toma blitz. Sem o motorzinho Lucas, a equipe de Luis Zubeldía não conseguiu "tomar conta" do meio de campo e passou a exagerar nos passes errados. O cenário fez o Cuiabá gerar ainda mais perigo antes do intervalo: primeiro com Jonathan Cafu, que recebeu de Max e demorou para chutar, e depois com Denílson, que bateu de longe e viu Jandrei fazer ótima defesa.

Laterais avançam e criam perigo. O Tricolor voltou para o 2° tempo mais ofensivo, com Igor Vinícius e Welington avançando pelos lados e "dobrando" com os pontas Wellington Rato e Michel Araújo. Foi pela esquerda, aliás, que surgiu uma das melhores chances dos mandantes, quando Calleri recebeu lateral de Welington e acionou Michel Araújo, que trouxe para o meio e finalizou a poucos centímetros da meta de Walter.

Luiz Gustavo, Nestor e Lucas acionados. As escassas oportunidades em 15 minutos fizeram Zubeldía chamar três de seus meio-campistas habitualmente titulares ao gramado. Até então poupados, Luiz Gustavo, Nestor e Lucas entraram juntos e substituíram Galoppo, Michel Araújo e Rato, respectivamente.

Blitz paulista. O São Paulo passou a apertar um já recuado Cuiabá e, rodando a bola de um lado para o outro, ficou perto de balançar as redes com Calleri: o atacante concluiu para fora um cruzamento de Nestor e, pouco depois, quase alcançou um lançamento de Igor Vinícius. Em meio às tentativas, Luciano deu lugar ao jovem William Gomes, formado em Cotia e uma das maiores promessas da atual base do Tricolor e Ferreirinha

Eliel entra e decide. Os visitantes abriram o placar aos 36 minutos, quando Isidro Pitta recebeu lançamento do campo de defesa, invadiu a área e tocou para o meio: Fernando Sobral dividiu com Luiz Gustavo e viu a bola sobrar para Raylan, que acabou tocando sem querer para Eliel. O atacante, que havia acabado de entrar, fuzilou o gol de Jandrei e cravou o 1 a 0.

Estádio: MorumBis, em São Paulo (SP)
Árbitro: Gustavo Ervino Bauermann
Assistentes: Thiaggo Americano Labes e Brigida Cirilo Ferreira
VAR: Marco Aurélio Augusto Fazekas Ferreira
Cartões amarelos: Alisson, William Gomes (SPO); Raylan (CUI)
Público: 36.534
Gol: Eliel (CUI), aos 36 min do 2° tempo

SÃO PAULO

Jandrei; Igor Vinícius, Arboleda, Diego Costa e Welington; Alisson (Ferreirinha), Galoppo (Luiz Gustavo), Michel Araújo (Nestor), Luciano (William Gomes) e Wellington Rato (Lucas); Calleri. T.: Luis Zubeldía

CUIABÁ

Walter; Matheus Alexandre, Marllon, Alan Empereur e Ramon (Bruno Alves); Lucas Mineiro, Denílson (Fernando Sobral) e Max (Rikelme); Jonathan Cafu (Eliel), Clayson (Raylan) e Pitta. T.: Nuno Pereir

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Santos

Santos terá museu de artes plásticas com entrada gratuita; veja

A expectativa é que obras de Nuno Ramos, Jarbas Lopes e Sergio Romagnolo cheguem a cidade

Diário Mais

Artista usa inteligência artificial e emociona ao mostrar como estariam os Mamonas hoje

Grupo musical morreu em trágico acidente aéreo em 2 de março de 1996

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter