Santos tenta superar ausência de Sandry em decisão na Libertadores

Desde a temporada passada, ainda sob o comando de Cuca, o jovem meio-campista vinha sendo titular absoluto e um dos responsáveis pelo bom momento da equipe

Comentar
Compartilhar
05 ABR 2021Por Folhapress20h28
Frustrado, o Santos ainda fica sem opçõesFrustrado, o Santos ainda fica sem opçõesFoto: Divulgação/Santos FC

Recém-chegado, o técnico argentino Ariel Holan já tem sérios problemas com o meio de campo do Santos, que tenta se acertar em decisão contra o San Lorenzo nesta terça-feira (6), na Argentina, em jogo de ida por vaga na fase de grupos da Libertadores.

Na última sexta (2), o volante Sandry, 18, rompeu o ligamento cruzado anterior direito e, assim, ficará de fora até o fim deste ano. Desde a temporada passada, ainda sob o comando de Cuca, o jovem meio-campista vinha sendo titular absoluto e um dos responsáveis pelo bom momento da equipe.

Frustrado, o Santos ainda fica sem opções. Um dos jogadores mais experientes do grupo, o uruguaio Sánchez, 36, seria o mais cotado para substituí-lo. Contudo, o volante segue sob os cuidados do departamento médico e ainda não tem uma data específica para retornar aos treinos com bola.

Outra possibilidade de Holan seria o jovem Ivonei, 18. O meia, no entanto, está com um problema muscular na coxa esquerda e não acompanha a delegação santista em Buenos Aires.

A última opção descartada é Jobson, que rompeu o ligamento cruzado do joelho direito às vésperas da final da Copa Libertadores da última temporada e não tem data para voltar aos gramados. Ele sequer conseguiu realizar um treino com o técnico argentino do Santos.

Diante de todas as baixas, a opção da comissão técnica será o único jogador disponível no elenco: Vinicius Balieiro, 21, que fez cinco jogos nesta temporada e ainda briga para se firmar entre os titulares.

No banco, no entanto, a comissão técnica do Santos terá de ser criativa e encontrar soluções para o problema. A equipe só terá mais um volante na reserva, o jovem Kevin Malthus.

FICHA TÉCNICA

SAN LORENZO
Devecchi; Peruzzi, Gattoni, Braghieri e Pitton; Elias, Rodriguez, Angel Romero, Oscar Romero e Ramirez; Di Santo. T.: Diego Dabove

SANTOS
João Paulo; Pará, Kaiky, Luan Peres e Felipe Jonatan; Alison, Vinicius Balieiro e Gabriel Pirani; Marinho, Marcos Leonardo e Ângelo. T.: Ariel Holan

Estádio: Nuevo Gasómetro, em Buenos Aires (ARG)
Horário: 21h30 (de Brasília) desta terça-feira (6)
Árbitro: Wilmar Roldán (COL)
VAR: Martin Vazquez (URU)
Transmissão: SBT e Conmebol TV