Santos quita atrasados e dá primeiro passo para renovar com Robinho

Da quantia adquirida, cerca de R$ 3,5 milhões vão para o principal jogador do time. O camisa 7 não recebia seus direitos de imagem, equivalentes a R$ 700 mil por mês, há cinco meses

Comentar
Compartilhar
22 MAI 201511h15

O empréstimo que o Peixe alinhavou no início da semana com o banco BMG saiu. Os R$ 8 milhões que o clube solicitou foram liberados e já estão na conta. Ainda nesta sexta, o repasse deve ser feito aos jogadores do elenco que têm direitos de imagem atrasados. Com isso, como tem pago religiosamente os valores referentes a CLT, popularmente chamada de carteira de trabalho profissional, o Santos, enfim, regulariza a situação salarial de todos os atletas e pode pensar exclusivamente em seus objetivos dentro de campo. 

Da quantia adquirida, cerca de R$ 3,5 milhões vão para o principal jogador do time. Robinho não recebia seus direitos de imagem, equivalentes a R$ 700 mil por mês, há cinco meses. Durante a coletiva de imprensa que concedeu no CT Rei Pelé nesta quinta-feira, o camisa 7 deixou claro que não conversaria sobre renovação contratual sem que a dívida fosse paga. Sua representante, Marisa Alija Ramos, também já havia externado que a pendência precisava ser revolvida antes das primeiras reuniões. 

Ainda nesta sexta, o repasse deve ser feito aos jogadores do elenco que têm direitos de imagem atrasados (Foto: Ricardo Saibun/Santos FC)

Agora, com a situação regularizada, a novela sobre a renovação do contrato do Rei das Pedaladas com o Santos avança para uma nova fase. Seu vínculo atual termina dia 30 de junho, porém, Robinho deve entrar em campo apenas mais duas vezes com a camisa do Santos antes de se apresentar à seleção brasileira, dia 1º de julho, de olho na Copa América. Neste domingo, o time da Vila Belmiro encara a Chapecoense, em Santa Cataria, e no domingo seguinte recebe o Sport, em casa. 

A intenção da cúpula alvinegra é chegar a um acordo o quanto antes, já que o jogador deixou claro nesta quinta que estudará todas as propostas que forem entregues em suas mãos, até mesmo eventuais interesses de Corinthians, São Paulo e Palmeiras, para decidir o que é melhor para sua carreira. Flamengo e Cruzeiro, por enquanto, entre os brasileiros, são os únicos a manifestar publicamente o desejo que contratar o atleta de 31 anos.