SANTOS FC

Santos goleia Juventude e afasta risco de queda

Com a vitória, o Santos chega aos 40 pontos, ultrapassa o rival São Paulo e fica na 11ª colocação

EDUARDO NUNES - FOLHAPRESS

Publicado em 10/10/2022 às 22:12

Atualizado em 10/10/2022 às 22:15

Compartilhe:

Marcos Leonardo comemora um dos gols do Peixe / Ivan Storti/ SFC

Depois de um primeiro tempo morno, o técnico Orlando Ribeiro fez três mudanças, e o Santos engrenou na segunda etapa para vencer o Juventude por 4 a 1, na noite desta segunda-feira (10), na Vila Belmiro. Lucas Braga marcou duas vezes, mas o destaque ficou por conta do golaço de cobertura de Marcos Leonardo. Madson, para o time alvinegro, e Bruno Nazário, para o clube gaúcho, também deixaram os seus na 31ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Com a vitória, o Santos chega aos 40 pontos, ultrapassa o rival São Paulo e fica na 11ª colocação, com dez pontos de vantagem para o Cuiabá, que abre a zona de rebaixamento. Já o time alviverde, com apenas 20 pontos, amarga a lanterna do torneio e já está praticamente rebaixado.

Os primeiros 45 minutos não tiveram muita emoção e, mesmo assim, o time da casa já havia conquistado a vantagem com um gol de Lucas Braga. No intervalo, Sandry e Ed Carlos entraram para arrumar o meio-campo e a equipe demorou apenas oito minutos para ampliar com Marcos Leonardo, que encobriu Pegorari. Pouco depois, Madson, que também entrou antes do pontapé no segundo tempo, fez o terceiro de cabeça. Lucas Braga ainda fez o quarto e Bruno Nazário fez o de honra para os visitantes.

A entrada de Lucas Barbosa, que é atacante, não ajudou o meio-campo do Santos, que praticamente foi inexistente na etapa inicial. Mesmo assim, apostando nas jogadas pelos lados, principalmente com Ângelo, o time alvinegro fez valer sua superioridade técnica e abriu o marcador na primeira etapa.

No intervalo, Sandry e Ed Carlos entraram e corrigiram os problemas do setor. Muito mais compacto, o elenco alvinegro chamou o adversário para seu campo e foi preciso para armar contragolpes e matar o confronto.

Com apenas 20 pontos conquistados e na lanterna desde o início do returno, o Juventude até mostrou boa distribuição tática e conseguiu equilibrar o confronto no começo, contudo a equipe não parece ter qualquer força para reagir, seja na partida, seja na competição. Apesar da vontade, os jogadores parecem já esperar pelo rebaixamento.

SANTOS
João Paulo; Auro (Madson), Luiz Felipe, Eduardo Bauermann e Felipe Jonatan; Rodrigo Fernández (Camacho), Carlos Sánchez (Sandry) e Lucas Barbosa (Ed Carlos); Ângelo, Lucas Braga (Miguelito) e Marcos Leonardo. Técnico: Orlando Ribeiro.

JUVENTUDE
Pegorari; Rodrigo Alves, Paulo Miranda, Thalisson Kelven e Moraes; Elton (Jean), Jadson (Yuri Lima) e Chico Kim (Bruno Nazário); Capixaba (Felipe Pires), Rafinha (Óscar Ruiz) e Pitta. Técnico: Lucas Zanella (interino).

Estádio: Vila Belmiro, em Santos (SP)
Público: 9.171 pagantes (presentes)
Renda: R$ 360.712.50
Árbitro: José Mendonça da Silva Junior (PR)
Assistentes: Alessandro Alvo Rocha de Mattos (BA) e Eduardo Gonçalves da Cruz (MS)
VAR: Rodolpho Toski Marques (PR)
Cartões amarelos: Lucas Barbosa e Rodrigo Fernandéz (SAN)
Gols: Lucas Braga (SAN), aos 23'/1ºT; Marcos Leonardo (SAN), aos 8', Madson (SAN), aos 17', Lucas Braga (SAN), aos 29', e Bruno Nazário (JUV), aos 32'/2ºT

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Cotidiano

Veja quais foram os bairros com mais roubos de celular em Praia Grande; confira

Dados foram coletados pela Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo

Cotidiano

Free Flow registra mil motoristas irregulares por dia; sistema atende Litoral de SP

Pesquisa foi feita em uma região que já opera com o novo modelo de pedágio

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter