X
Esportes

Santos aproveitará lesão de Caju para ter Hernández no Paulistão

O Peixe não conseguirá inscrevê-lo até esta sexta-feira, mas utilizará o recurso de "troca" com o lesionado lateral para contar com Hernández neste Estadual

Hernández ainda não foi regularizado / Divulgação

O Santos não conseguirá regularizar o atacante Vladimir Hernández no Paulistão até esta sexta-feira, data limite imposta pela Federação Paulista para inscrições no Estadual, mas utilizará uma manobra prevista no regulamento do torneio para contar com o seu atleta.

A ideia é inscrevê-lo no lugar do lateral Caju, que sofreu uma lesão coxa esquerda e não será mais opção. Mesmo com o fim do período de inscrições, o regulamento autoriza a substituição de um atleta lesionado durante a primeira fase, desde que seja comprovada a gravida da lesão.

A expectativa da direção alvinegra é que ele esteja com a situação normalizada até a próxima terça-feira (06).  Com isso, o jogador também poderia ser inscrito a tempo na Libertadores da América e ficaria à disposição para a estreia contra o Sporting Cristal (PER), no próximo dia 09.

Hernández ainda não foi regularizado, pois o Peixe viveu imbróglio com o Junior Barranquila, sua ex-equipe. Incomodado com o atraso do pagamento da primeira parcela (R$ 2,1 milhões), o time colombiano segurou a documentação e pediu garantias financeiras para a liberação.

Através do Departamento Jurídico, o Alvinegro Praiano enviou uma carta fiança, que garante o poder de compra, e agora aguarda liberação dos últimos documentos. O Santos pagará cerca de R$ 1 milhão em duas parcelas fixas, datadas para os meses de maio e dezembro próximos.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Política

Bolsonaro recebe mensagem do papa Francisco em missa de sétimo dia de sua mãe

Apesar de sua proximidade com os evangélicos, o presidente é católico

Mundo

Nova legislação beneficia imigrantes brasileiros em Portugal

Resultado disso, o número de brasileiros vivendo no país europeu atingiu seu recorde em 2020, com 183.993 residentes, conforme dados oficiais do SEF (Serviço de Estrangeiros e Fronteiras)

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software