Santistas enaltecem vitória, mas Gabriel reclama de cansaço

“Nosso time virou muito bem (o primeiro tempo) com 2 a 0, infelizmente tomamos o gol no começo do jogo no segundo tempo, a torcida começou a poiar, mas vencemos”, falou o atacante

Comentar
Compartilhar
09 MAI 201413h15

O Santos começou o duelo  contra o Princesa do Solimões se impondo e marcado dois gols logo no começo. Mas, o jogo que parecia ser fácil e com cara de goleada se transformou na segunda etapa, quando o time da casa arrancou o 2 a 1 e garantiu a partida de volta, na Vila Belmiro, para decidir quem avança na Copa do Brasil.

“Foi justo, no segundo tempo  tomamos o gol, mas a equipe está de parabéns, todo mundo deu seu máximo”, disse Lucas Lima, que jogou pela primeira vez como titular no time de Oswaldo de Oliveira.

“Nosso time virou muito bem (o primeiro tempo) com 2 a 0, infelizmente tomamos o gol no começo do jogo no segundo tempo, a torcida começou a poiar, mas vencemos”, falou Gabriel, antes de creditar o baixo rendimento da equipe ao cansaço, já que o Santos, sofreu com atraso no aeroporto e teve que suportar o forte calor de Manaus.

O Santos começou o duelo  contra o Princesa do Solimões se impondo e marcado dois gols logo no começo (Foto: Danilo Mello/Foto Amazonas/Estadão Conteúdo)

“Justifica sim, o voo atrasou, chegamos de madrugada, pouco tempo para descansar, mas eu acho que está bom, o importante é a vitória”, finalizou o artilheiro do Santos na temporada.