Santander confirma saída da Ferrari e será patrocinadora da Champions

A parceria com a escuderia durou oito temporadas. Neste período, a equipe não conquistou títulos

Comentar
Compartilhar
29 NOV 2017Por Folhapress15h30
O Banco Santander confirmou que deixará de patrocinar a equipe FerrariO Banco Santander confirmou que deixará de patrocinar a equipe FerrariFoto: Divulgação

O Banco Santander confirmou nesta quarta-feira (29) que deixará de patrocinar a equipe Ferrari na Fórmula 1. A saída, que foi adiantada pelo jornal espanhol "El Confidencial" na última semana, foi anunciada oficialmente nesta quarta (29) pela presidente executivo Ana Botín.

No mesmo evento, o banco confirmou que patrocinará a Liga das Campeões por três temporadas a partir de 2018/2019. Em comunicado, o Santander anunciou que terá direito a presença em outdoors em todos os jogos, anúncios em retransmissões de partidas, além de ingressos e acesso a experiências para uso comercial, entre outros direitos.

"A Ferrari e a F1, com os quais somos muito gratos, foram a chave para o Santander durante esses anos. Continuamos a apoiar o esporte porque é mais uma maneira de contribuir para o progresso das comunidades onde operamos ", disse Ana Botín.

A parceria Santander/Ferrari durou oito temporadas. Neste período, a equipe não conquistou títulos, conseguindo três vice campeonatos. A empresa estava ligada à Fórmula 1 há mais tempo, um total de 11 anos.