Ricardo Oliveira confirma melhora e se vê perto de retorno ao Santos

Conforme adiantado pelo Diário do Litoral no início desta semana, o atleta de 36 anos fez transição ao gramado e vive a expectativa para voltar a atuar

Comentar
Compartilhar
17 JUN 2016Por Diário do Litoral15h00
Ricardo Oliveira confirma melhora e se vê perto de retorno ao SantosRicardo Oliveira confirma melhora e se vê perto de retorno ao SantosFoto: Ivan Storti/Santos FC

O centroavante Ricardo Oliveira está cada vez mais próximo do retorno aos gramados, conforme adiantado pelo Diário do Litoral nesta semana. O atleta de 36 anos não sente mais dores no joelho direito, começou a correr em torno do gramado do CT Rei Pelé e deve iniciar trabalho ao lado dos companheiros de equipe nos próximos dias.

"Fiquei um período na "casinha", sofrendo, evitando até ir a campo falar com os amigos. Mas, graças a Deus, vocês ficaram sabendo que o joelho está bem. Comecei a correr (no gramado). Essa transição agora requer paciência. Não tem mais fisioterapia, agora é só musculação e campo. Comecei a correr e potencializar a musculatura. Acredito que na próxima semana vou a campo fazer trabalhos normais", afirmou.

Apesar de relatar evolução no quadro clínico, o atleta não confirmou uma data para o seu retorno. A expectativa dos médicos do clube é que ele intensifique as atividades no gramado nos próximos dias e, então, fique à disposição. A recuperação total deve durar cerca de duas semanas.

Com isso, o camisa 9 do Peixe e o torcedor santista vivem a expectativa de um possível retorno para o clássico contra o São Paulo, no próximo dia 26, no Pacaembu. Vale lembrar que, desde que retornou ao clube, em 2015, foram 16 gols marcados nos duelos contra os rivais do Estado. Contra o São Paulo, foram quatro tentos.

Ele não atua pelo Peixe há 40 dias. A última vez foi na decisão do Campeonato Paulista, contra o Audax, na Vila Belmiro, no dia 08 de maio. Na ocasião, ele já se queixava de dores no joelho, não participou de um treinamento sequer, mas foi titular e ainda marcou o gol do título.