Presidente do Santos diz que aceita negociar Zeca com rivais, mas nega contato

O lateral esquerdo acionou o clube da Vila Belmiro na Justiça para pedir sua rescisão contratual, alegando atrasos nos pagamentos de seu FGTS

Comentar
Compartilhar
02 NOV 2017Por Folhapress12h01
Modesto disse que ninguém entrou em contato por ZecaFoto: Divulgação/Santos FC

O presidente Modesto Roma deixou claro que aceita negociar Zeca com outros clubes, inclusive, os rivais. Questionado sobre uma possível transação com o Palmeiras, envolvendo atletas do rival alviverde, o dirigente disse que o Santos está "aberto a negociações". O lateral esquerdo acionou o clube da Vila Belmiro na Justiça para pedir sua rescisão contratual, alegando atrasos nos pagamentos de seu FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço). A liminar foi negada pelo juiz, mas o julgamento está marcado para abril de 2018.

O mandatário santista foi questionado nesta quarta (1º) se o Palmeiras havia oferecido Roger Guedes e Arouca por Zeca, mas negou -disse que ninguém entrou em contato até então.

"Sempre existe a possibilidade [de envolvê-lo em alguma negociação]. Zeca é um assunto do departamento pessoal. Não posso dizer [que não joga mais pelo Santos]. Estamos sempre abertos a negociações. Por enquanto é isso", afirmou Modesto Roma.

O pedido de rescisão contratual de Zeca ao Santos chamou a atenção dos três grandes clubes da capital paulista. Coincidentemente, Corinthians, Palmeiras e São Paulo precisam de laterais para 2018. Por isso, é natural que os diretores comecem a olhar com carinho o desenrolar da situação do atleta.

O Santos já se prepara para ter um 2018 sem o seu campeão olímpico. Modesto Roma já confirmou que o primeiro reforço do Santos foi contratado para a posição de Zeca. Trata-se do lateral esquerdo Romário, do Ceará, atleta de 25 anos.

"Nós temos um pré-contrato com o Romário, do Ceará. Não lembro o tempo de contrato", disse.

Romário assinou com o clube paulista por cinco temporadas. O atleta é um dos principais destaques do Ceará no Campeonato Brasileiro da Série B. Atualmente, o lateral é o líder de assistências do clube cearense na competição, com seis passes para gols.

Além do reforço, o Santos sonha com o retorno do atacante Robinho para 2018. Ele tem contrato com o Atlético-MG até o fim desta temporada. O clube paulista também está de olho em uma dupla do Barcelona de Guaiaquil, do Equador: o atacante uruguaio Jonatan Álves e o meia argentino Damián Díaz.