Presidente da Ferrari elogia temporada de Alonso: “nota 8”

Procurando apontar os fatores que prejudicaram a equipe no ano, o presidente citou a mudança dos pneus, mas ressaltou que isso não deve ser apontado como desculpa

Comentar
Compartilhar
20 NOV 201315h50

Durante a temporada de 2013 da Fórmula 1, a Ferrari esteve longe de brigar pelo posto de melhor equipe da competição. A escuderia italiana também tem grandes chances de terminar o Mundial de Construtores na terceira colocação, atrás da Mercedes. Sabendo de todos os fatores que diminuíram a competitividade da montadora, Luca Di Montezemolo, presidente da Ferrari, elogiou o desempenho de Fernando Alonso, que matematicamente é o vice-campeão do Mundial de Pilotos.

“Uma boa nota oito de dez. Eu acho que ele é um piloto muito, muito bom. Eu estive com pilotos como Niki Lauda, Alain Prost e Michael Schumacher, mas Alonso nas corridas é realmente fantástico. Ele também tem sido muito bom em entender quando é preciso acelerar e quando diminuir o ritmo e economizar os pneus”, afirmou Montezemolo à CNN.

Procurando apontar os fatores que prejudicaram a equipe no ano, o presidente citou a mudança dos pneus, mas ressaltou que isso não deve ser apontado como desculpa.

“Eu nunca gosto de usar a palavra desculpa. Na primeira parte da temporada, nós vencemos duas vezes, então a Ferrari estava mais competitiva. O fato é que quando mudaram os pneus nós pagamos um preço alto. Eu não gosto da fórmula em que um piloto precisa ser cuidadoso para não destruir os pneus”, concluiu o dirigente.

Luca Di Montezemolo, presidente da Ferrari, elogiou o desempenho de Fernando Alonso (Foto: Associated Press)