Perto do fim do contrato, Ricardo Oliveira despista sobre renovação no Santos

O contrato do camisa 9 chega ao fim no dia 31 de dezembro deste ano, e as negociações estão paralisadas. Ele não falou sobre desejo de seguir atuando pelo clube

Comentar
Compartilhar
26 MAI 2017Por Diário do Litoral17h27
A renovação do centroavante Ricardo Oliveira deve ocasionar uma longa novela nos bastidores do SantosA renovação do centroavante Ricardo Oliveira deve ocasionar uma longa novela nos bastidores do SantosFoto: Ivan Storti/ Santos FC

A renovação do centroavante Ricardo Oliveira deve ocasionar uma longa novela nos bastidores do Santos nos próximos meses. Com contrato até o dia 31 de dezembro deste ano, o jogador ainda não tomou uma posição sobre o seu futuro no clube e desconversou sobre uma possível permanência.

A diretoria alvinegra trata do assunto desde o início do ano com o agente do atleta, Augusto Castro, mas as partes ainda não chegaram a um acordo. O jogador, porém, não vê pressa para uma definição e procura focar em seu trabalho nas disputas da Copa do Brasil, Brasileirão e Libertadores.

“Eu não estou sabendo como anda esta situação (renovação). A cabeça está focada no trabalho, em produzir dentro de campo, nada mais que isso. A partir daí, o que acontecer vocês ficarão sabendo. No momento, cabeça só no futebol. Não fico muito preocupado com essa situação”, afirmou.

“Não é de querer, é se de fato vou continuar sendo produtivo e ajudando com o meu melhor. Naquele momento, em 2015, vim jogar só o Paulista. Meu desejo era até o fim do ano. Muitos clubes me procuraram, poderia ter saído e falado valeu, obrigado, mas comigo não funciona assim. Eu sei ser grato ao que o clube fez por mim. Fiz a renovação e estou cumprindo da melhor maneira possível. Sempre fui muito dedicado. Quero estar focado apenas em ser produtivo”, desconversou.

De acordo com apuração do Diário do Litoral, o Santos deseja contar com o camisa 9 por mais duas temporadas e espera que ele encerre a sua carreira no clube. O jogador, porém, não descarta buscar novos desafios na fase final de carreira. No início da última temporada, ele esteve próximo de acerto com o futebol chinês, mas o presidente Modesto vetou uma transferência.

Contratado em janeiro de 2015, Ricardo Oliveira está em sua segunda passagem pelo clube – ele também atuou pelo Alvinegro Praiano, em 2003. Ao todo, foram 84 gols em 148 jogos. Neste ano, ele foi opção em 15 jogos e anotou quatro gols.