Paratleta de Praia Grande vence Meia-Maratona de Miami

Heitor Mariano estabelece novo recorde da prova.

Comentar
Compartilhar
05 FEV 201316h18

O paratleta Heitor Mariano dos Santos, 28 anos, de Praia Grande, conquistou no último mês, medalha de ouro na Meia-Maratona (21.097 metros) Internacional de Miami, nos Estados Unidos. Com o tempo de 55min, ele fez da marca um novo recorde para a prova, nesta categoria. O atleta, que é cadeirante, tem patrocínio dos seguintes apoiadores: Secretaria de Esportes e Lazer – Seel, Accelerade, Hicaro, Alumínio, Farol Mania, Oficina Brazucar, Auto 501, Auto Posto Super 1000, Academia Malhação, Óculos Oakley Sul e Lojas Bco.

Heitor Mariano fez questão de destacar a importância da ajuda que recebeu para alcançar o resultado. “Agradeço ao apoio dos meus patrocinadores, pois graças a eles consegui comprar uma nova cadeira para competir. Sou também grato à técnica da prefeitura, Daniela Eiko Itani, que sempre me apoia”, afirmou o paratleta.

Na última temporada, Heitor havia conquistado medalha de bronze nesta competição, com a marca de 1h07min.

Currículo

Heitor nasceu em Santos, em 17 de dezembro de 1983. Inicio no esporte em 2009. Compete nas provas de 200, 400 e 800 metros rasos; 10 km, meia-maratona e maratona (42 km). Em 2004, quando praticava taekwondo, sofreu um acidente de moto e o que resultou em sérias lesões na coluna.

Em 2012, o paratleta levou quatro medalhas (dois ouros – 800 e 1.500 metros - e dois bronzes – 200 e 400 metros) no 7º Open Argentino de Atletismo; na primeira etapa estadual do Circuito Brasil Paraolímpico (CBP) venceu as provas de 200, 400 e 800 metros rasos; no Troféu Sérgio Del Grande, faturou três medalhas de ouro, categoria T53, provas de 200, 800 e 1.500 metros.

Foi campeão geral do Circuito Santista de Pedestrianismo; ganhou duas pratas nos Jogos Regionais (nos 100 e 400 metros); foi vice-campeão da Meia-Maratona A Tribuna-Praia Grande; conquistou medalhas de bronze na Meia-maratona Internacional de Miami/USA e nos 10 km Tribuna FM. Na 22ª Meia-Maratona de Lisboa, foi o terceiro melhor brasileiro, sul-americano e 19º colocado no geral.

Em 2011, ganhou medalha de ouro nos 100 metros rasos dos Jogos Abertos do Interior, nos 400 e 800 metros rasos do Circuito Nacional Paraolímpico e na segunda etapa do Campeonato Santista de Pedestrianismo (10 km). Foi vice-campeã na Meia-maratona Internacional do Rio de Janeiro, e terceiro colocado na São Silvestre e nos 10 km Tribuna FM.

Em 2010, venceu as provas de 200, 400 e 800 metros rasos do Circuito Brasileiro Paraolímpico; foi vice-campeão nos 100 metros nos Jogos Regionais de Guarujá, da Meia-maratona Corpore e geral do Campeonato Santista de Pedestrianismo. Conquistou o terceiro lugar nos 10 km Tribuna FM e ficou na quarta colocação na Maratona Internacional de Porto Alegre/RS.