X
Esportes

Palmeiras cede empate ao Avaí e perde chance de se isolar na liderança

A equipe de Abel Ferreira volta a campo na quarta-feira (29), às 19h15 (horário de Brasília), para visitar o Cerro Porteño-PAR, pelo jogo de ida das oitavas de final da Libertadores

Cesar Greco/Palmeiras

Palmeiras e Avaí fizeram um jogo muito equilibrado na tarde deste domingo (26), na Ressacada, que terminou em um empate por 2 a 2, pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro. Os gols foram marcados pelos palmeirenses Gustavo Scarpa e Rony, e, pelos donos da casa, Bissoli e Jean Pyerre.

O resultado tirou do time alviverde, que chegou a estar à frente no placar, a oportunidade de se isolar na liderança do campeonato, já que o Corinthians também somou um ponto na rodada. Assim, a equipe alviverde tem 29 pontos, em primeiro lugar. O time catarinense é o décimo colocado, com 18.

A equipe de Abel Ferreira volta a campo na quarta-feira (29), às 19h15 (horário de Brasília), para visitar o Cerro Porteño-PAR, pelo jogo de ida das oitavas de final da Libertadores.

Os catarinenses só jogam no domingo (3), às 11h, quando recebem o Cuiabá no Ressacada, pela 15ª rodada da Série A.

Com metade do time titular em campo, o Palmeiras fez um primeiro tempo equilibrado com o Avaí, criando bem na frente mas oferecendo espaço para os avanços dos donos da casa. Atrás no placar, o time novamente mostrou poder de reação na etapa final, arrancou o empate com Gustavo Scarpa e manteve a pressão, até que a virada veio com Rony, que se aproveitou de ótima jogada de Wesley e empurrou para o fundo do gol. O jogo se encaminhava à terceira virada seguida palmeirense na Série A, não fosse o belo gol de empate de Jean Pyerre.

Desde o início de junho sem atuar, por conta de uma lesão muscular na coxa direita, Raphael Veiga voltou a ser relacionado para o jogo na Ressacada. Artilheiro do clube alviverde na temporada, com 16 gols, o meia entrou na segunda etapa, no lugar de Gustavo Scarpa, e teve atuação apagada nos pouco mais de 30 minutos que esteve em campo.

Diante de um adversário superior - e o melhor visitante da competição -, o Avaí se mostrou corajoso e fez frente ao Palmeiras, sobretudo na etapa inicial. Os donos levaram perigo em ao menos três oportunidades, e, no último minutos, foram premiados com o pênalti cometido por Gómez em Raniele. Bissoli cobrou com força, no canto, e converteu. Após a virada, Eduardo Barroca lançou Morato e Jean Pyerre ao campo. E dos pés do segundo saiu o golaço de empate: em falta pela meia esquerda, o meio-campista cobrou com força e a bola bateu na trave antes de morrer na rede, sem chances para Weverton.

O Avaí abriu o placar aos 52 minutos do primeiro tempo, após pênalti sofrido por Raniele e convertido por Bissoli. Aos três minutos do segundo tempo, também de pênalti, o Palmeiras empatou com Gustavo Scarpa. Rony virou aos 19 minutos para o alviverde, que viu o time catarinense empatar em cobrança de falta de Jean Pyerre, aos 27.

AVAÍ
Vladimir; Kevin, Arthur Chaves, Bressan e Cortez; Raniele, Bruno Silva e Eduardo (Jean Pyerre); Willian Pottker, Muriqui (Morato) e Bissoli (Jean Cléber). T.: Eduardo Barroca.

PALMEIRAS
Weverton; Mayke, Gustavo Gómez, Luan e Jorge; Gabriel Menino (Atuesta), Zé Rafael e Gustavo Scarpa (Raphael Veiga); Breno Lopes (Rony), Wesley (Dudu) e Rafael Navarro (Gabriel Veron). T.: Abel Ferreira

Estádio: Ressacada, em Florianópolis (SC)
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (RJ)
Assistentes: Thiago Henrique Neto Correa Farinha (RJ) e Carlos Henrique Alves de Lima Filho (RJ)
VAR: Rodrigo Nunes de Sá (RJ)
Cartões amarelos: Pottker, Cortez, Bressan, Arthur Chaves (AVA); Luan (PAL)
Gols: Bissoli (AVA), aos 52'/1ºT; Gustavo Scarpa (PAL), aos 2', Rony (PAL), aos 19', e Jean Pyerre (AVA), aos 27'/2ºT

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

CRIME NO TRIBUNAL

'Estava pelado e se masturbando', veja denúncias de assédio contra juiz de SP

Dez mulheres afirmam ter sido assediadas por Marcos Scalercio entre 2014 e 2020

CULTURA

Exposição mostra lendas no Museu Conceição de Itanhaém

A exposição conta com 17 telas em acrílico e 15 origamis sobre as lendas e o folclore da região

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software