Oswaldo vê evolução e indica escalação de Valdivia no Palmeiras

O treinador deixou claro que vai utilizar o chileno e ressaltou a evolução física que ele tem demonstrado nas atividades que estão acontecendo sem que a imprensa tenha acesso

Comentar
Compartilhar
01 MAI 201515h27

A dúvida sobre a escalação de Valdivia na partida contra o Santos, domingo, pela decisão do Campeonato Paulista, foi praticamente desfeita pelo técnico Oswaldo de Oliveira durante entrevista coletiva nesta sexta-feira, na Academia de Futebol. O treinador deixou claro que vai utilizar o chileno e ressaltou a evolução física que ele tem demonstrado nas atividades que estão acontecendo sem que a imprensa tenha acesso.

"Na segunda e na terça-feira, ele fez trabalhos individualizados. Na quarta, treinou com o grupo e treinou bem, assim como aconteceu ontem (na quinta-feira). A minha expectativa é que seja melhor ainda nos próximos treinos. A evolução dele é clara", disse o treinador, "comemorando" o fato de não ter utilizado o chileno na primeira partida da final, realizada domingo passado.

Valdívia deve jogar na segunda partida da final do Campeonato Paulista, próximo domingo (3) (Foto: Marcos Bezerra/Futura Press/Estadão Conteúdo)

Assim como aconteceu nesta semana, no primeiro jogo também se criou um mistério sobre a utilização do jogador. "Tudo isso vai ao encontro daquilo que a gente projetou no final de semana passado. Era arriscado usá-lo naquele jogo, porque teria a chance de ele sentir agora. Agora estamos convictos que ele evoluiu bem e a tendência é que isso vá se somando até domingo", completou.

Em relação ao restante do time, Oswaldo não deu muitas pistas. Apenas confirmou Fernando Prass, como aconteceu na primeira partida, e deixou escapar que Robinho deve atuar como volante se Arouca realmente ficar fora, como é esperado. Ele tenta se recuperar de um estiramento na coxa esquerda.

Assim, apesar de tanto mistério, com treinamentos fechados e tudo mais, a tendência é que o Palmeiras enfrente o Santos praticamente com o mesmo time da primeira partida. A única mudança é a entrada de Valdivia no lugar de Arouca. A equipe vai a campo com: Fernando Prass; Lucas, Vitor Hugo, Victor Ramos e Zé Roberto; Gabriel, Robinho, Valdivia, Rafael Marques e Dudu; Leandro Pereira.