Ney Franco poupa Denilson, mas põe Wellington e mantém Ganso

Em treino realizado na manhã desta sexta (22), o comandante promoveu apenas uma mudança, tirando Denilson, que será poupado por desgaste físico

Comentar
Compartilhar
22 FEV 201312h06

A fragilidade defensiva exibida pelo São Paulo na rodada passada não motivou o técnico Ney Franco a alterar o esquema tático para a partida deste sábado (23), contra o Linense. Em treino realizado na manhã desta sexta-feira (22), o comandante promoveu apenas uma mudança, tirando o volante Denilson, que será poupado do confronto em função do desgaste físico.

Na movimentação no CT da Barra Funda, o escolhido para ocupar a vaga é Wellington, que havia perdido o posto na rodada passada. Desta forma, o garoto será o único jogador de marcação no meio-campo no confronto no estádio do Morumbi.

Já o meia Paulo Henrique Ganso será titular pela segunda partida consecutiva, depois de ter atuado contra o São Caetano. Apesar de até mesmo o goleiro Rogério Ceni ter admitido a fragilidade do time atrás, Ney Franco acredita que a equipe tem condições de atingir um equilíbrio defensivo, desde que os laterais e os meias se organizem nos avanços.

Assim, o São Paulo está escalado para o confronto com Rogério Ceni; Douglas, Lúcio, Rhodolfo e Cortez; Wellington, Maicon, Jadson e Paulo Henrique Ganso; Osvaldo e Luis Fabiano.

Mesmo com uma partida a menos, o Tricolor tem 16 pontos no Paulistão e ocupa a vice-liderança, podendo assumir a dianteira em caso de triunfo contra o Linense, que tem a mesma pontuação.

Ney Franco mantêm Ganso, poupa Denilson e escala Wellington para o jogo contra o Linense (Foto: Vipcomm)