Muricy afirma que conversa com Neymar para tocar mais a bola

Apesar da diferença que faz em campo e dos titulos conquistados pelo atacante, o técnico Muricy entende que Neymar precisa corrigir alguns defeitos.

Comentar
Compartilhar
26 JAN 201317h08

Grande estrela do Santos, o atacante Neymar já fez a diferença para a sua equipe em várias oportunidades. No entanto, apesar disso e dos títulos conquistados pela Joia na Vila Belmiro, o técnico Muricy Ramalho entende que o camisa 11 do Peixe ainda precisa corrigir alguns defeitos. Na opinião do treinador, um dos principais é abusar da jogada individual, na transição entre o meio-campo e o ataque.

Segundo Muricy, Neymar precisa tocar mais a bola, pois assim irá melhorar o seu jogo e ajudar o time a ficar mais compacto em campo. “Converso desde que cheguei com ele sobre isso. O Neymar precisa melhorar a transição. Ele dá arrancadas muito velozes, só que por vezes não leva vantagem e isso é um desgaste para ele, mas que não é necessário. No setor de transição tem que fazer o mais simples, que é tocar a bola e aparecer de surpresa, na infiltração”, disse.

O comandante destacou que a Joia gosta de partir com a bola dominada para cima dos seus marcadores, especialmente diante daqueles que estão lhe marcando mais forte ou já foram advertidos com o cartão amarelo na partida. Entretanto, Muricy Ramalho garantiu que continuará cobrando uma postura diferente de Neymar.

Ele ganha muitas bolas na arrancada, só que também perde. Insisto nisso mesmo, principalmente porque o time ainda não está bem preparado fisicamente

“O pensamento quando ele pega a bola é ‘atingir’ o adversário, ainda mais quando o cara o incomoda. Ele ganha muitas bolas na arrancada, só que também perde. Insisto nisso mesmo, principalmente porque o time ainda não está bem preparado fisicamente. Estamos em um início de temporada, sem o condicionamento ideal. Quando ele faz isso, a nossa equipe se separa muito. Fica ele, o André e o Montillo na frente, com o resto lá atrás. Isso deixa os volantes, principalmente o Renê Júnior, sobrecarregados”, explicou.

Apesar do “defeito” apontado por Muricy, o atacante tem apresentado um bom rendimento neste começo de ano. Neymar já balançou as redes em três oportunidades, após dois jogos disputados no Campeonato Paulista. O camisa 11 também marcou um gol no amistoso contra o Grêmio Barueri, antes do início do Paulistão.