X
Esportes

Ministério Público aponta fraude de presidentes do Barcelona em compra de Neymar

O ex-presidente do Barcelona Sandro Rosell teria cometido dois delitos fiscais e um societário na contratação de Neymar, com penas de prisão de um a cinco anos

O Ministério Público espanhol pediu nesta segunda-feira para a Corte Nacional do país julgar e investigar o atual presidente do Barcelona, Josep Maria Bartomeu, pelo suposto de caso de fraude fiscal na contratação do atacante brasileiro Neymar junto ao Santos.

Em um comunicado divulgado nesta segunda-feira, o promotor Jose Perals solicitou ao juiz Pablo Ruz uma investigação contra Bartomeu e o clube por supostamente terem fraudado o Fisco da Espanha em 2,8 milhões de euros (aproximadamente R$ 8,6 milhões).

Além disso, segundo a acusação apresentada pelo Ministério Público, o ex-presidente do Barcelona Sandro Rosell teria cometido dois delitos fiscais e um societário na contratação de Neymar, com penas de prisão de um a cinco anos no primeiro e seis meses a quatro no outro tipo de crime. Já o Barcelona teria cometido dois delitos fiscais, que se referem ao pagamento de Imposto de Renda sobre os não-residentes de 2011 e 2013.

A contratação de Neymar pelo Barcelona está sob investigação praticamente desde que a negociação foi sacramentada (Foto: Manu Fernandez/Associated Press)

Segundo o Ministério Público, o Barcelona pagou um total de 82 743485 milhões de euros (R$ 253 milhões) por Neymar e agora teria que desembolsar mais 12,148696 milhões de euros (R$ 37 milhões) ao Fisco, o que dá um total de 94,892181 milhões de euros (R$ 290 milhões). Anteriormente, o clube catalão pagou 13 550830 milhões de euros (R$ 41 milhões) para a Receita Federal, valor que poderia ser encarado como atenuante de reparação aos danos cometidos.

Ruz está supervisionando uma investigação sobre se Rosell desviou fundos para esconder o valor da transferência pago ao Santos por Neymar. Anteriormente, o juiz exigiu que o pai do atacante brasileiro fornecesse documentos sobre a transação, incluindo os termos e condições de pagamento.

A contratação de Neymar pelo Barcelona está sob investigação praticamente desde que a negociação foi sacramentada, com o jogador brasileiro sendo apresentado aos torcedores no Camp Nou em 3 de junho de 2013. A polêmica provocou até a saída de Rosell do comando do clube, mas ainda não chegou ao fim.
 

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Dois PMs morrem com suspeita de febre maculosa durante curso

Vítimas eram instrutores da COPC, que teve uma fase de curso em área de mata. Casos seguem em análise pela Fiocruz

Se já estava ruim, vai piorar! Petrobras anuncia novo aumento nas refinarias

Reajuste passa a valer nesta terça-feira (26) para gasolina e diesel

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software