McLaren quer pit stop de 2s como rotina no próximo Mundial

A equipe inglesa é a atual detentora do recorde, com a marca de 2s3 no Grande Prêmio da Alemanha de 2012.

Comentar
Compartilhar
11 DEZ 201210h57

A equipe Mclaren de Fórmula 1 quer ganhar tempo nos boxes durante as corridas do próximo Mundial da categoria. O time britânico, dono da troca de pneus mais rápida de 2012, traçou como meta para a temporada 2013 realizar seus pit stops ainda mais rapidamente, em 2s.

Com a proibição do reabastecimento de combustível, a rapidez da troca de pneus passou a ser fundamental na briga por posições da F-1. A McLaren é atual detentora do recorde, com a marca de 2s3 com que liberou o britânico Jenson Button para voltar à pista no Grande Prêmio da Alemanha de 2012.

“Nós estaremos realmente ocupados no inverno levando essa ideia ao próximo passo. Nossa meta para o próximo ano é ter pit stops de 2s. Achamos que já conseguiríamos isso esse ano. Vamos trabalhar durante o inverno para que as paradas de 2s sejam normais. Isso envolve pessoas e equipamento”, disse o diretor esportivo da McLaren, Sam Michael, à revista britânica Autosport.

Segundo o dirigente da escuderia britânica, a Red Bull foi a outra equipe da categoria a desenvolver bom trabalho com sua equipe de boxes e pode aparecer já forte neste quesito no Grande Prêmio da Austrália, prova que abre o Mundial de 2013.

“Nós e a Red Bull estávamos 0s5 ou 0s6 mais rápidos do que todo mundo. A Red Bull conseguiu nos alcançar nas últimas corridas. Eles mudaram algumas coisas para conseguir isso e eu sei o que foi”, afirmou Michael.

McLaren acredita que as trocas de pneus podem ser ainda mais rápidas no Mundial de 2013 (Foto: AFP)

Colunas

Contraponto