Jogadores santistas mostram preocupação com tropeços fora de casa

A equipe ainda não venceu longe da Vila Belmiro e teve atuações ruins no empate contra Avaí, na estreia, e na derrota para a Chapecoense, no último domingo

Comentar
Compartilhar
25 MAI 201512h28

Os jogadores do Santos reconhecem que a equipe vem mostrando no Campeonato Brasileiro a mesma deficiência dos anos anteriores: o mau desempenho nos jogos fora de casa. A equipe ainda não venceu longe da Vila Belmiro e teve atuações ruins no empate contra Avaí, na estreia, e na derrota para a Chapecoense, no último domingo. Entre os dois jogos, o time venceu o Cruzeiro por 1 a 0.

"Sabemos que os jogos fora de casa no Brasileiro são difíceis. Não podemos perder estes pontos", disse o meia Rafael Longuine, que fez sua estreia pelo Santos em Santa Catarina. A afirmação foi feita na manhã desta segunda-feira, no desembarque dos jogadores no CT Rei Pelé, em Santos.

Na visão do técnico Marcelo Fernandes, um dos problemas da equipe é o cansaço (Foto:Ivan Storti/ SFC)

Na visão do técnico Marcelo Fernandes, um dos problemas da equipe é o cansaço. No meio da semana, a equipe perdeu para o Sport, pela Copa do Brasil, em outra derrota fora de casa, e teve de viajar para Chapecó. "Precisamos começar a somar pontos também fora de casa. Isso é fundamental se a gente quiser se manter entre os líderes", disse o zagueiro David Braz.

Após a semana livre de treinamentos - o jogo da volta da Copa do Brasil será apenas após a Copa América -, o Santos voltará a campo no próximo domingo, contra o Sport, às 11 horas, na Vila Belmiro. "Teremos uma semana para trabalhar e vamos conseguir melhorar o nível de jogo também fora de casa", afirmou o técnico Marcelo Fernandes.