Jadson rescinde com time chinês e fica mais próximo do Corinthians

Depois de informações desencontradas, a Gazeta Esportiva apurou que o ex-camisa 10 do Timão não faz mais parte do elenco do time chinês

Comentar
Compartilhar
16 JAN 2017Por Gazeta Press18h00
Na época em que o meia foi contratado pelo Tianjin Quanjin, a equipe era comandada por LuxemburgoFoto: Sérgio Barzaghi/Gazeta Press

A novela acabou e o meia Jadson, finalmente, rescindiu contrato com o clube chinês, Tianjin Quanjin. Um dos maiores interesses do Corinthians para 2017, o jogador agora está livre para qualquer tipo de negociação com equipes do Brasil. O anúncio oficial da rescisão sairá ainda nesta segunda-feira.

Depois de informações desencontradas, a Gazeta Esportiva apurou que o ex-camisa 10 do Timão não faz mais parte do elenco do time chinês. Um dos maiores destaques do Tianjin Quanjin na última temporada do Campeonato Chinês, o jogador está na mira do antigo clube desde as especulações de que rescindiria seu contrato.

Ainda assim, não é certo que o jogador voltará a atuar em solo brasileiros, isso porque Jadson também pode estar sendo observado por de alguns clubes europeus. Dependendo da proposta, o meia poderá ficar mais um tempo longe dos campos do Brasil.

Jadson foi um dos jogadores mais importantes na conquista do Campeonato Brasileiro do Corinthians, em 2015. Camisa 10 do elenco do Tite, o meia foi líder em assistências no torneio, sendo 14 em 34 jogos, e foi quem mais deu passes para gol no Alvinegro durante o ano, 25 no total. Jadson também se destacou pelo número de gols marcados durante a competição. Com 13 tentos, o jogador foi vice-artilheiro do Timão no Brasileirão, em 2015.