X
Esportes

Exame não aponta lesão e Zeca tenta se recuperar para clássico

O lateral-esquerdo passou por exame de imagem, mas nenhuma lesão foi detectada. Ele ainda sente dores no local e realiza sessões de fisioterapia

Assim como na última segunda-feira, o jogador foi poupado das atividades no gramado do CT Rei Pelé e realizou sessões de fisioterapia / Ivan Storti/Santos FC

Após sentir lesão na derrota do Santos para o Cruzeiro, no último domingo (28), o lateral-esquerdo Zeca passou por exames detalhados nesta terça-feira (30) e nada foi detectado. De acordo com o Departamento Médico do clube, o jogador apresenta apenas um leve inchaço na perna esquerda.

Assim como na última segunda-feira, o jogador foi poupado das atividades no gramado do CT Rei Pelé e realizou sessões de fisioterapia. Ele receberá atenção especial ao longo da semana e caso não sinta mais dores estará à disposição para o jogo contra o Corinthians, neste sábado, pelo Brasileirão.

A Comissão Técnica do Peixe, porém, adota cautela e aguarda uma posição do próprio atleta para definir a escalação da equipe contra o rival. Caso o camisa 37 não tenha condições, a expectativa é que o atacante Copete seja novamente utilizado no setor – Jean Mota também briga pela posição.

Fora de combate

Com uma inflamação no joelho direito, o volante Leandro Donizete foi poupado de atividade nesta terça-feira e dificilmente estará em campo para o duelo contra a equipe do Parque São Jorge.

Ele sentiu lesão na vitória do Peixe sobre o Coritiba, na Vila Belmiro, e desde então tem realizado trabalho de fisioterapia. Reserva na equipe do técnico Dorival Júnior, ele tem sido opção entre os titulares apenas na ausência do volante Renato, titular absoluto da equipe.

 

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Política

Bolsonaro recebe mensagem do papa Francisco em missa de sétimo dia de sua mãe

Apesar de sua proximidade com os evangélicos, o presidente é católico

Mundo

Nova legislação beneficia imigrantes brasileiros em Portugal

Resultado disso, o número de brasileiros vivendo no país europeu atingiu seu recorde em 2020, com 183.993 residentes, conforme dados oficiais do SEF (Serviço de Estrangeiros e Fronteiras)

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software