Exame descarta lesão grave e Pablo deve voltar contra o Atlético-GO

Após o empate válido pelo primeiro confronto do Campeonato Brasileiro, Pablo passou por exames que descartaram estiramento ou presença de qualquer lesão grave

Comentar
Compartilhar
16 MAI 2017Por Gazeta Press17h00
Pablo se machucou logo no primeiro tempo contra a Chapecoense, na ArenaFoto: Fernando Dantas/Gazeta Press

O zagueiro Pablo deu um susto na torcida corintiana neste sábado, diante da Chapecoense. Logo na primeira etapa da partida, o defensor tropeçou sozinho e deixou o campo reclamando de fortes dores na coxa. Após o empate válido pelo primeiro confronto do Campeonato Brasileiro, Pablo passou por exames que descartaram estiramento ou presença de qualquer lesão grave. O jogador deve voltar a campo contra o Atlético-GO, na terceira rodada do Brasileirão.

O médico responsável pelos cuidados do atleta, Julio Stancati, ficou aliviado com o resultado dos exames e afirmou que a queda foi por conta de uma lesão passada. “Felizmente é uma notícia boa, foi só a fibrose antiga que estourou. Talvez nesse jogo esteja comprometido, mas para semana que vem deve estar bem”, destacou.

A fibrose, problema que atormentou nomes como o meia Valdivia, ex-Palmeiras, é uma espécie de cicatriz no músculo do atleta. Com o esforço feito para tentar cortar a bola diante da Chape, o defensor acabou abrindo de novo a cicatriz, que precisa de alguns dias para voltar a se fechar.

Pablo passará a semana tratando da fibrose, com chances mínimas de enfrentar o Vitória, no domingo, às 16h (de Brasília), pela segunda rodada do Brasileiro na Fonte Nova. A expectativa é de que o jogador volte a atuar apenas contra o Atlético-GO, no confronto seguinte, em casa. Com o empate em casa por 1 a 1, o Corinthians tem apenas um ponto somado na competição nacional, na oitava colocação.