Emerson, Danilo e Senna são as apostas

Corinthians arma plano de marketing para o Mundial de Clubes da Fifa

Comentar
Compartilhar
22 NOV 201217h04

Explorar a imagem de Emerson e Danilo, ligar o clube a Ayrton Senna e montar lojas itinerantes no Japão. É baseado nesse tripé que o Corinthians armou o seu plano de marketing para o Mundial de Clubes da Fifa, em dezembro. A estratégia é fazer ações que possam atrair o apoio do torcedor japonês durante o torneio já que, historicamente, os clubes europeus levam vantagem nesse quesito por terem maior influência no mercado asiático.

Emerson e Danilo serão os garotos-propaganda do Corinthians por já terem atuado no Japão. O atacante jogou por cinco anos no país, de 2000 a 2005, e o meia por três temporadas, de 2007 até o fim de 2009.
 
Com passagens por Consadole Sapporo, Kawasaki Frontale e Urawa Red Diamonds, Emerson conquistou três títulos no Japão. Danilo também teve trajetória vitoriosa no país com cinco taças, com destaque para o tricampeonato japonês em 2007, 2008 e 2009 pelo Kashima Antlers. 
 
“Ainda estamos estudando a melhor forma que faremos essas ações porque não podemos perder o foco de que os atletas estarão lá para jogar. A concentração tem de estar totalmente voltada para as partidas, mas certamente contaremos com eles em nossas ações”, disse o diretor de marketing do clube, Ivan Marques.
 
O clube também acerta com o Instituto Ayrton Senna o uso da imagem do tricampeão do mundo de Fórmula 1 no seu material de divulgação. Morto em 1994, Senna tem até hoje muitos fãs no Japão - foi em Suzuka, usando motores Honda, que ele conquistou seus três títulos. “A figura do Senna no Japão é mitológica. Não queremos lucrar com ele, mas mostrar que o Senna era um corintiano apaixonado”, explicou Marques.
 
Pé quente - Danilo conquistou cinco títulos em três anos que atuou no Japão (Foto: Divulgação)
 
Guerrero e Emerson no clássico
 
O clássico contra o Santos, neste sábado, servirá para o técnico Tite afinar o entrosamento entre dois jogadores considerados chave para a disputa do Mundial de Clubes da Fifa: Emerson e Guerrero. Pela primeira vez eles vão atuar juntos começando uma partida. A dupla atuou no time titular do treino coletivo, ontem.