Em estreia, Santos goleia o Linense por 6 a 2 com show de Rodrigão

O centroavante marcou dois gols e criou outras grandes chances. Os outros gols foram marcados por Lucas Lima, Arthur Gomes, Vitor Bueno e Thiago Ribeiro

Comentar
Compartilhar
03 FEV 2017Por Diário do Litoral23h01
Rodrigão marcou duas vezes na goleada santistaFoto: Flávio Hopp/Raw Imagem

Um filme deve ter passado pela cabeça do centroavante Rodrigão, na noite desta sexta-feira. Desprestigiado no fim de 2016, o jogador esteve próximo de ser negociado. O técnico Dorival Júnior, porém, deu um voto de confiança ao atleta, que entendeu o recado e foi o grande destaque na goleada do Santos, por 6 a 2, diante do Linense, pela abertura do Paulistão 2017.

Com as ausências de Ricardo Oliveira, recuperando a forma física após uma caxumba, e o reforço Kayke, que ainda não foi regularizado junto à CBF, o camisa 22 iniciou a temporada como titular e saiu do gramado muito aplaudido pelo torcedor. Foram dois gols marcados, outras três grandes chances criadas e muita disposição física no combate aos zagueiros do time do interior.

Os outros gols do Alvinegro Praiano foram marcados por Lucas Lima, Arthur Gomes, Vitor Bueno e Thiago RIbeiro. Dentre estes citados, destaques para o camisa 10 e o jovem atacante, recém-promovido aos profissionais. A pedido de Dorival Júnior, Lucas Lima atuou mais próximo da área e foi bem mais efetivo do que no ano passado. Já Arthur Gomes, que vem se destacando nos treinos, mostrou que ainda pode ser muito útil ao longo da temporada..

Vale destacar também o retorno do atacante Thiago Ribeiro. Após passagem discreta pelo Bahia no ano passado, o jogador voltou a ser aproveitado pelo Peixe e mostrou estar recuperado de uma depressão. Em cerca de 15 minutos em campo, foi acionado por diversas vezes e marcou o seu no fim da partida.

O destaque negativo, porém, ficou a cargo do sistema defensivo. Após uma ótima primeira etapa, o Santos perdeu o foco na marcação. Aos 9 minutos do segundo tempo, o lateral Carleto, revelado na base do Peixe, deixou Thiago Santos na pinta para marcar. Os visitantes ainda fizeram o segundo – placar já marcava 4 a 1 – com o atacante Gabrielzinho e mandaram uma bola na trave alvinegra com o zagueiro Diego Felipe.

Em relação aos seis reforços anunciados, apenas Matheus Ribeiro foi opção para a partida – antes relacionado, Leandro Donizete foi poupado de última hora. O lateral-direito, no entanto, não saiu do banco de reservas. Outras caras novas do clube, o zagueiro Cléber, o centroavante Kayke, e os atacantes Vladimir Hernández e Bruno Henrique ainda aguardam regularização junto à CBF e FPF.

Na próxima rodada, o Santos enfrenta o Red Bull Brasil, no Pacaembu, em São Paulo, no próximo dia 12, às 11h.