Dirigente do Santos nega acerto com Montillo e anuncia meia Pinga

O jogador de 31 anos chega ao clube sem custos, após ter assinado um contrato de experiência até maio.

Comentar
Compartilhar
02 JAN 201316h57

Exercendo temporariamente a presidência do Santos, Odílio Rodrigues negou nesta quarta-feira (02) que o clube tenha acertado a contratação do meia argentino Walter Montillo, atualmente no Cruzeiro. Segundo o dirigente, ainda há um desencontro entre os valores oferecidos pelo Peixe e a quantia desejada pela Raposa.

“Ele não está na cidade [Santos], e não existe nenhum acerto. A questão financeira é algo que pesa”, disse Odílio à ESPN Radio.

Mesmo com a recusa da diretoria celeste, o dirigente garantiu que a equipe paulista continuará tentando negociar a transferência do meia, em um imbróglio que vem se prorrogando desde o final da última temporada. Existe a possibilidade de o Peixe incluir outros atletas para tentar facilitar a liberação do argentino.

André 'Pinga' Luciano fará contrato temporário -  Enquanto espera pelo fim da novela envolvendo Montillo, o torcedor santista terá que se contentar com o armador André Luciano, conhecido como “Pinga”, no meio-campo da equipe. Segundo Odílio, o meia de 31 anos chega ao clube sem custos, após ter assinado um contrato de experiência até maio. Caso seja aprovado pela comissão técnica santista, terá seu vínculo prorrogado.

Pinga, que estava no Al-Wahda, dos Emirados Árabes, começou sua carreira no Ceará, em 1997. Mais tarde, entre 1999 e 2006, atuou por Torino, Siena e Treviso, todos da Itália. Em 2007, teve o ponto alto de sua carreira, quando defendeu o Internacional, ajudando a equipe a conquistar a Recopa Sul-americana.

 Em 2007, o meia Pinga defendeu o Internacional (Foto: VIPCOMM)