David Luiz faz gol contra e Paris Saint-Germain derrota Chelsea

Lavezzi e Pastore completaram para o time da casa. Os ingleses descontaram com Hazard, de pênalti

Comentar
Compartilhar
02 ABR 201418h13

Superior do início ao fim, o Paris Saint-Germain derrotou em casa o Chelsea por 3 a 1 nesta quarta-feira e conseguiu uma importante vantagem para o jogo de volta das quartas de final da Liga dos Campeões. Lavezzi, David Luiz contra e Pastore fizeram para o time da casa. O Chelsea descontou com Hazard, de pênalti.

Jogando com muita intensidade nos minutos iniciais, o Paris Saint-Germain conseguiu abrir o placar logo aos 4 minutos. Após cruzamento de Matuidi pela esquerda, o zagueiro Terry afastou mal. Dentro da área, Lavezzi matou no peito e chutou no canto direito de Cech, sem dar chances ao goleiro tcheco.

Com a vantagem, o PSG recuou e passou a apostar em contra-ataques rápidos para tentar ampliar. Sentindo falta de um centroavante de origem, o Chelsea, que não pode contar com Eto’o, teve dificuldade para furar o bloqueio adversário e ainda sofreu com os contragolpes franceses.O cenário mudou quando Oscar recebeu na área e caiu no chão após o desarme de Thiago Silva. Sem ter nada a ver com o lance polêmico, Hazard cobrou o pênalti marcado pelo árbitro com categoria e deu o empate a seu time.

O belga ainda mandou uma bola na trave antes do final do primeiro tempo. Aproveitando cruzamento da direita, Hazard chutou de primeira quase sem ângulo e por pouco não virou o jogo. Ainda assim, o PSG teve mais chances, com Ivanovic salvando duas vezes ao tirar a bola de Matuidi e no lance seguinte tirando em cima da linha após um desvio equivocado de seu companheiro Azpilicueta.

Aproveitando falha de Terry, Lavezzi abriu o placar para o PSG logo aos quatro minutos (Foto: Associated Press)

No segundo tempo, o PSG voltou com ainda mais disposição e chegou a sufocar o Chelsea, que conseguia sequer armar contra-ataques. A pressão deu resultado aos 15 minutos. Em cobrança de falta, Lavezzi cruzou fechado, a bola passou por todo mundo e David Luiz acabou desviando para o próprio gol.

Nos minutos seguintes ao gol que recolocou o PSG à frente, o Chelsea fez uma blitz e por pouco não conseguiu o empate. Quem acabou se destacando foi Thiago Silva, que fez desarmes precisos e impediu finalizações do time inglês.Desta vez sem se fechar na defesa, o PSG lidou melhor com a vantagem no placar e ainda ameaçou o Chelsea com boas jogadas de Cavani, Lavezzi e Matuidi. Mas a equipe ainda passou por um susto. Ibrahimovic sentiu a coxa direita e teve de ser imediatamente substituído, dando lugar a Lucas, que entrou bem e chegou a fazer grande jogada, deixando três adversários para trás.

O Chelsea ainda foi para o tudo ou nada nos minutos finais, apostando em lançamentos longos, mas ainda assim viu seu adversário ser mais perigoso, prendendo a bola no campo de ataque, e decidiu se fechar na defesa. Acabou punido aos 48 minutos, quando Pastore fez grande jogada individual, driblando dois dentro da área, e fechou o placar em 3 a 1.