RUMO AO CATAR

Daniel Alves segue sem vencer no México e tem vaga na Copa ameaçada

O jogador vem atuando no setor de meio-campo defensivo pela direita e foi derrotado em todos os jogos que disputou até aqui, recebendo vaias dos próprios torcedores

Leonardo Sandre

Publicado em 24/08/2022 às 13:02

Atualizado em 24/08/2022 às 13:05

Compartilhe:

Tite, técnico da Seleção Brasileira / Tomaz Silva/Agência Brasil

Restando pouco mais de 90 dias para a Copa do Mundo, Daniel Alves vive uma péssima fase no Pumas, do México. Sob os olhares de César Sampaio e Guilherme Passos, membros da comissão técnica da seleção brasileira, o lateral direito foi vaiado pela própria torcida na goleada sofrida pelo time mexicano por 5 a 1 para o Santos Laguna, na sua própria casa, no último fim de semana.

Desde que o atleta brasileiro chegou, o time não venceu um jogo sequer. Desde sua estreia, o Pumas está há cinco jogos sem vitórias, incluindo um passeio sofrido pelo Barcelona, pelo Troféu Joan Gamper, por 6 a 0. Além disso, com o brasileiro em campo, a equipe mexicana sofreu 18 gols, tendo marcado apenas quatro tentos no caminho.

Aos 39 anos, e agora no México, Daniel Alves vem sendo escalado como volante pela direita, pelo técnico Andrés Lillini, embora pareça estar bem longe de agradar os torcedores do Pumas.

Apesar de toda a euforia da chegada de um jogador extremamente campeão por onde passou, os torcedores do Pumas não estão satisfeitos com o desempenho do lateral brasileiro, cotado para a Copa do Mundo, na equipe. O jogador já sofre com vaias e xingamentos nas arquibancadas e nas redes sociais, principalmente após o último jogo contra o Santos Laguna.

Segundo o portal GOAL, a comissão técnica da seleção esteve presente na última derrota do Pumas, afim de acompanhar Daniel Alves. No quarto gol do Santos Laguna, o lateral foi visto tomando um drible desconcertante, o que não deve ter agradado em nada os observadores. Além de tudo, o atleta não foi substituído em nenhuma partida, estando assim em campo durante os 90 minutos todas as vezes, e demonstrando cansaço e falta de velocidade sob o forte calor mexicano.

A partida em que o time, atual 16º colocado na liga nacional, mais esteve perto de vencer foi contra o Atlético San Luis, treinado pelo brasileiro André Jardine, campeão olímpico ao lado de Dani em Tóquio 2021, chegando a abrir 2 a 0, mas levando a virada em um piscar de olhos.

Danilo, Emerson Royal, Gabriel Menino, Fagner, já existiram laterais direitos testados por Tite além de Daniel, e talvez com as recentes atuações do jogador veterano, estejam na frente na corrida para garantir sua vaga na Copa.

Além dos citados, a Seleção segue observando laterais que vêm tendo destaque recentemente no Brasil e no exterior, sendo citados por portais e internautas até de forma irônica, jogadores que estariam no radar da seleção são: Rodinei, do Flamengo, Igor Vínicius, do São Paulo, e Vanderson, cria do Grêmio e em excelente fase no Mônaco, da França, este último que inclusive já é cotado para a Canarinho tem algum tempo.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Cotidiano

Onda de calor vai invadir o inverno no litoral de SP nos próximos dias

Tendência é a de que os termômetros cheguem aos 30º C

Cotidiano

Eleitores idosos dobram e jovens caem 20% em Santos, no litoral de SP

O município também tem o menor percentual de menores de idade no eleitorado em toda a Baixada Santista

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter