Cruzeiro nega interesse em Cícero, mas admite negociar Júlio Baptista

O nome do jogador vinha sendo especulado na Raposa, inclusive, com o gerente de futebol Valdir Barbosa afirmando que seria um bom nome

Comentar
Compartilhar
27 MAI 201415h50

A cúpula celeste garante que não existe interesse do clube em contratar o santista Cícero. O nome do jogador vinha sendo especulado no Cruzeiro, inclusive, com o gerente de futebol Valdir Barbosa afirmando que seria um bom nome, mas o diretor de futebol Alexandre Mattos diz ter conversado com o empresário de Cícero e que não existe nada sobre uma possível vinda do atleta para o futebol mineiro.

“Encontrei com o empresário do Cícero, que é o mesmo do Willian, o Eduardo Uram. Na verdade, o Cícero nunca foi ventilado. É propício passar para o torcedor do Cruzeiro que não estamos negociando com o Cícero e nem envolvendo troca dele pelo Júlio Baptista. Até porque o jogador não pertence ao Santos, mas à Tombense. Os valores dele são altos para o Cruzeiro, no momento, e não tivemos a pretensão de negociar. As especulações são normais, mas não existe troca. O Cícero não vem para o Cruzeiro”, disse em entrevista à Rádio Itatiaia.

Cicero tem até amanhã para definir seu futuro (Foto: Divulgação/Santos FC)

Alexandre Mattos negou o interesse em Cícero, mas revelou que existe vontade do Santos em ter o armador Júlio Baptista. O dirigente, porém, deixa claro que não foi o Cruzeiro que ofereceu Júlio Baptista, e que confia na volta por cima do jogador, que perdeu a condição de titular da Raposa.

“O Cruzeiro não ofereceu o Júlio Baptista ao Santos, isso é coisa de empresário. Eles veem o jogador no banco  e oferecem. O Santos demonstrou interesse, mas é tudo natural. O Cruzeiro precisa dar apoio e carinho, pois sabe o potencial do jogador. Na permanência dele, temos que dar apoio”, comentou.