Corinthians usará dinheiro da TV para quitar direitos de imagem atrasados

O Timão negocia com um banco, que vai cobrar juros, mas antecipará ao clube parte da cota de TV de 2016 - a de 2015 já foi toda usada

Comentar
Compartilhar
04 MAI 201517h25

O Corinthians negocia com um banco um empréstimo para quitar os direitos de imagem atrasados. São quase R$ 15 milhões. A garantia de pagamento são os direitos de televisão pagos pela Globo. O banco vai cobrar juros, mas antecipará ao clube parte da cota de TV de 2016 - a de 2015 já foi toda usada.

Essa foi a maneira encontrada pela diretoria para enfim quitar débitos com uma boa parte do elenco. O clube deve direitos de imagem a pelo menos seis jogadores, entre eles Danilo, Renato Augusto, Guerrero, Ralf e Emerson - alguns não recebem há seis meses.

Sem dinheiro, a diretoria já adiou mais de uma vez o acerto com elenco. Os débitos deveriam ter sido pagos na semana passada. No entanto, a dívida continua pendente. Ainda não há uma data para o pagamento.

Só depois de quitar os débitos com os jogadores é que a diretoria vai tratar sobre a renovação do atacante Guerrero. O contrato do jogador termina em junho. O peruano pede alto para continuar no clube.

Guerrero e outros jogadores estão com seis meses de direitos de imagens atrasados (Foto: Agência Corinthians(