X
Esportes

Corinthians tenta aumentar vantagem para se aproximar da conquista antecipada

O adversário do líder é o Avaí, 19º colocado e penúltimo na zona de rebaixamento, com 35 pontos

O time do técnico Fábio Carille tenta mais uma vitória no Campeonato Brasileiro / Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

A 34ª rodada do Campeonato Brasileiro começa neste sábado (12), com dois jogos, num dos quais o líder Corinthians pode ampliar sua vantagem de oito pontos (65 contra 57) sobre o vice-líder Grêmio e ficar mais próximo da conquista antecipada do título, nas próximas rodadas. O adversário do líder é o Avaí, 19º colocado e penúltimo na zona de rebaixamento, com 35 pontos.

O jogo será na Arena corintiana e começa às 19h. Mais cedo, na outra partida do sábado, às 17h, o Botafogo, 5º colocado/51 pontos, tenta alcançar o Palmeiras, 4º/54, na briga por vaga direta na Libertadores do próximo ano, jogando em casa, no Rio, com o Atlético PR, 13º/42 pontos.

No domingo (12), a rodada prossegue com os seguintes jogos: Vasco x São Paulo; Palmeiras x Flamengo; Grêmio x Vitória; Atlético GO x Sport; Bahia x Atlético MG; Cruzeiro x Fluminense e Coritiba x Ponte Preta. Na segunda-feira (12), o jogo Chapecoense x Santos encerra a rodada.

Classificação:

1º – Corinthians (65 pontos);

2º – Grêmio (57);

3º – Santos (56);

4º – Palmeiras (54);

5º – Botafogo (51);

6º – Cruzeiro (51);

7º – Flamengo (50);

8º – Vasco (48);

9º – Bahia (45);

10º – Atlético MG (45);

11º – São Paulo (44);

12º – Fluminense (43);

13º – Atlético PR (42);

14º – Chapecoense (41);

15º – Coritiba (39);

16º – Vitória (38);

17º – Sport (36);

18º – Ponte Preta (35);

19º – Avaí (35);

20º – Atlético GO (27).

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Política

Caso de mulher detida após xingar Bolsonaro será investigado em inquérito, decide Justiça

A decisão acata pedido do Ministério Público Federal (MPF), que apura suposta abordagem indevida e abusiva dos policiais rodoviários federais e policiais federais

Eleições 2022

Após Moro dizer que Lula 'arregou', PT afirma que não dará holofotes a ex-juiz

Em postagem no Twitter, Moro disse que Lula "arregou" ao pedir para o partido desistir por ter "medo das verdades incômodas que iriam surgir"

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software