Corinthians quer ceder Arena para ser centro de vacinação em SP

O presidente do Corinthians, Duílio Monteiro Alves, anunciou nesta sexta-feira que colocará a Neo Química Arena à disposição dos órgãos de saúde

Comentar
Compartilhar
08 JAN 2021Por Folhapress13h29
Neo Química Arena, estádio do CorinthiansFoto: DIVULGAÇÃO

O presidente do Corinthians, Duílio Monteiro Alves, anunciou nesta sexta-feira (8) que colocará a Neo Química Arena à disposição dos órgãos de saúde de São Paulo para que o estádio vire um centro de vacinação contra a Covid-19.

"Bom dia, Fiel! Gostaria de informar que, tão logo a vacinação seja autorizada, o Sport Club Corinthians Paulista colocará a Neo Química Arena à disposição dos órgãos de Saúde para que seja um ponto de imunização em massa da Zona Leste de SP", publicou Duílio no Twitter.

"Com isso, a gente espera ter vocês na arena o mais breve possível, com muita saúde e união", acrescentou.
A vacinação contra o novo coronavírus ainda não começou no Brasil.

 

 

Nesta semana, o Olympique de Marselha, da França, também divulgou que vai colocar o estádio Vélodrome à disposição das autoridades locais para a vacinação contra a Covid-19.