Corinthians busca vantagem frente ao Bahia antes de confronto direto

Adotando o lema de sempre pensar “jogo a jogo”, sem longas projeções, os jogadores querem aproveitar para ao menos manter a ponta da competição dentro dos seus domínios

Comentar
Compartilhar
22 JUN 2017Por Gazeta Press14h00
No embate, o técnico Fábio Carille poderá contar com sua equipe considerada idealNo embate, o técnico Fábio Carille poderá contar com sua equipe considerada idealFoto: Sergio Barzaghi/Gazeta Press

O Corinthians, líder do Campeonato Brasileiro, tem no final de semana um confronto direto contra o segundo colocado, Grêmio, mas antes volta as suas atenções ao Bahia, adversário desta quinta-feira, às 19h30 (de Brasília), no estádio de Itaquera. Adotando o lema de sempre pensar “jogo a jogo”, sem longas projeções, os jogadores querem aproveitar para ao menos manter a ponta da competição dentro dos seus domínios.

“No Brasileiro, quando se ganha os jogos em casa, te facilita bastante. Mais um jogo em casa, se vencermos, vai facilitar bastante. Vamos pensar no passo a passo, não adianta pensar em vencer, vencer, aí tropeça, perde a confiança. Vamos pensar no jogo do Bahia, jogo a jogo, e continuar nesse nosso ritmo”, afirmou o centroavante Jô, repetindo um discurso que permeia praticamente todo o elenco.

“Vamos assistir à equipe do Bahia, se posiciona bem, joga diferente fora, vai ser um jogo difícil. Vamos primeiro pensar neles para depois pensar no Grêmio”, observou o zagueiro Pablo, pedindo consciência aos companheiros para não subestimarem a capacidade do rival.

No embate, o técnico Fábio Carille poderá contar com sua equipe considerada ideal. Com relação ao time que empatou sem gols com o Coritiba, Jadson volta ao trio de armação, ao lado de Rodriguinho e Romero. Marquinhos Gabriel, que ocupou seu lugar no Paraná e chegou a deixar a partida por causa de uma contusão na coxa direita, foi liberado pelo departamento médico e ficará no banco de reservas.

Do outro lado, os tricolores tentam se recuperar da derrota por 4 a 2 para o Palmeiras, dentro de casa, ocasião em que reclamaram bastante da arbitragem. Insatisfeitos com os pontos perdidos dentro da Fonte Nova, os atletas do Bahia, que terão o reforço de Régis e Allione, tentam assegurar seu primeiro triunfo longe dos seus domínios. Para o embate, porém, não poderão contar com o colombiano Mendoza, que pertence ao Timão.

“Com certeza, o Corinthians é a equipe a ser batida. Joga um futebol de muita qualidade, já tinha uma base muito boa, e precisamos reconhecer o trabalho do Carille. O time joga em altíssima qualidade. Uma equipe que está jogando ao mesmo tempo um futebol de muita qualidade, com muita competitividade. A gente sabe que não vai ser fácil”, avaliou o técnico Jorginho.