Com “mulher e filhos em Santos”, Robinho pede para voltar ao Brasil

Adriano Galliani disse ter recebido um pedido de Robinho para jogar no Brasil. A família é o argumento utilizado por Robinho em seu pedido.

Comentar
Compartilhar
19 DEZ 201219h02

Adriano Galliani disse ter recebido um pedido de Robinho para jogar no Brasil. O vice-presidente do Milan promete lutar para fazer o atacante mudar de ideia, mas não está certo de que o convencerá a permanecer na Itália.

“Não tenho a certeza do sucesso, mas farei o possível e usarei toda a minha capacidade de persuasão. Ele não pede com virulência para sair do Milan, pede apenas para ir a seu país”, disse o dirigente à emissora oficial do clube rubro-negro.

De acordo com Galliani, a família  é o argumento utilizado por Robinho em seu pedido. “Ele está feliz aqui, tem um ótimo relacionamento com o treinador e com a equipe, porém tem mulher e filhos vivendo nas praias de Santos.”

O cartola deverá chegar ao Brasil na segunda-feira e conversar com os clubes interessados em seus jogadores. Ele passará o fim de ano no Rio de Janeiro e resolverá o futuro de Robinho e também o de Alexandre Pato, que interessa ao Corinthians.

Em relação ao ex-santista, é provável que seja diminuída a exigência original de quase 10 milhões de euros (cerca de 27 milhões). O Peixe, que sofre a concorrência de Flamengo e Atlético-MG, aumentará a oferta de 5 milhões de euros (R$ 13,7).

O Peixe sofre a concorrência de Flamengo e Atlético-MG para repatriar Robinho (Foto: Arco Vasini/Associated Press/AE)