Com início avassalador, Ponte faz 3 a 0 no Palmeiras e abre vantagem

Com o resultado, a Ponte Preta pode até perder por dois gols de diferença que ainda assim garante presença na decisão do Campeonato Paulista

Comentar
Compartilhar
16 ABR 2017Por Gazeta Press18h08
Palmeiras encontrou dificuldades diante da forte marcação da Ponte PretaPalmeiras encontrou dificuldades diante da forte marcação da Ponte PretaFoto: Fernando Dantas/Gazeta Press

A Ponte Preta deu um passo importante para chegar à final do Campeonato Paulista. Neste domingo, a Macaca recebeu o Palmeiras, no Moisés Lucarelli, pela partida de ida das semifinais do Estadual e, com um primeiro tempo avassalador, fez 3 a 0 no atual campeão brasileiro.

O Verdão bem que tentou diminuir o prejuízo na etapa final, mas esbarrou na forte marcação imposta pela Macaca, que ainda teve chances de ampliar a vantagem nos contra-ataques. No final do jogo, William Pottker foi derrubado por Fernando Prass dentro da área, mas o árbitro não marcou a penalidade máxima

Com o resultado, a Ponte Preta pode até perder por dois gols de diferença que ainda assim garante presença na decisão do Campeonato Paulista. O Palmeiras precisa vencer com três gols a mais do que o rival. As duas equipes voltam a se enfrentar no próximo sábado, às 19 horas (de Brasília), no Palestra Itália.

FICHA TÉCNICA
PONTE PRETA 3 x 0 PALMEIRAS

Local: Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)
Data: 16 de abril de 2017, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Marcelo Aparecido de Souza (SP)
Assistentes: Tatiane Sacilotti Camargo e Daniel Paulo Ziolli (ambos de SP)
Público: 12.843 pagantes
Renda: R$ 376.645,00
Cartões amarelos: Jadson, Jeferson, Fernando Bob e Reynaldo (Ponte Preta); Thiago Santos, Borja e Mina (Palmeiras)

GOLS
PONTE PRETA: William Pottker, aos 37 segundos do primeiro tempo; Lucca, aos sete minutos do primeiro tempo; Jeferson, aos 33 minutos do primeiro tempo

PONTE PRETA: Aranha; Jeferson, Marllon, Yago e Reynaldo (Artur); Fernando Bob, Elton e Jadson (Wendel); Lucca, Clayson (Lins) e William Pottker
Técnico: Gilson Kleina

PALMEIRAS: Fernando Prass; Jean, Mina, Edu Dracena e Zé Roberto; Felipe Melo, Tchê Tchê e Guerra (Michel Bastos); Dudu, Willian (Róger Guedes) e Borja (Alecsandro)
Técnico: Eduardo Baptista