Com erros do juiz, time misto do São Paulo goleia o Santo André

Líder do Grupo B, com 14 pontos ganhos, o Tricolor volta a atuar pelo Paulista no próximo sábado, às 16 horas (de Brasília)

Comentar
Compartilhar
05 MAR 2017Por Gazeta Press18h13
São Paulo venceu com dois gols irregularesFoto: Fernando Dantas/Gazeta Press

A polêmica arbitragem de Luiz Flávio de Oliveira marcou o duelo entre São Paulo e Santo André, na tarde deste domingo, no Morumbi. Jogando diante de 20 mil pessoas, o time misto do Tricolor venceu por 4 a 1, com dois gols irregulares, em duelo válido pela sétima rodada do Campeonato Paulista.

Primeiro, Cícero completou para a rede em posição de impedimento. Depois, quando o time da casa vencia por 2 a 1 e tomando pressão do adversário, Luiz Araújo tocou a bola com o braço antes de marcar o terceiro do São Paulo, que foi a campo com um time misto, já que no meio de semana tem um compromisso importante pela Copa do Brasil.

Líder do Grupo B, com 14 pontos ganhos, o Tricolor volta a atuar pelo Paulista no próximo sábado, às 16 horas (de Brasília), quando fará o clássico contra o Palmeiras, no Palestra Itália. Já o Santo André buscará a reabilitação diante do Botafogo-SP, no mesmo dia, mas às 15 horas, no Bruno José Daniel. Antes, porém, o São Paulo recebe o ABC, de Natal, na quarta-feira, às 19h30, pelo jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil.

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO X SANTO ANDRÉ

Local: Estádio Cícero Pompéu de Toledo, no Morumbi, em São Paulo
Data: 5 de fevereiro de 2017, domingo
Horário: 16h00 horas (de Brasília)
Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira
Assistentes: Alex Alexandrino e Leandro Matos Feitosa
Público: 20.694 espectadores
Renda: R$ 558.115,00
Cartão Amarelo: Lugano, Cueva e Gilberto (São Paulo)
Gols:

SÃO PAULO: Cícero, aos 4 minutos do 1º tempo, e Cueva, aos 26 minutos do 1º tempo; Luiz Araújo, aos 30 minutos do 2º tempo

SANTO ANDRE: Leonardo, aos 15 minutos do 2º tempo

SÃO PAULO: Sidão; Buffarini, Lugano, Douglas e Junior Tavares; Jucilei (Wellington), Araruna (Thiago Mendes) e Cícero; Cueva (Wellington Nem), Luiz Araújo e Gilberto
Técnico: Rogério Ceni

SANTO ANDRÉ: Zé Carlos; Cicinho (Jean), Reniê, Leonardo e Baraka; Fernando Neto, Claudinho, Dudu Vieira e Henan; Eduardo Ramos (Paulinho) e Serginho (Edmilson)
Técnico: Sérgio Soares