X

Esportes

Cícero e Rogério Ceni se desentenderam no vestiário

Na ocasião, o treinador tricolor entrou no vestiário irritadíssimo pelo gol sofrido nos acréscimos da primeira etapa, que deixou o Timão com vantagem de 2 a 0 no placar

Gazeta Press

Publicado em 16/05/2017 às 19:00

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

O técnico Rogério Ceni e o meia Cícero tiveram um entrevero no vestiário do São Paulo / Djalma Vassão/Gazeta Press

O técnico Rogério Ceni e o meia Cícero tiveram um entrevero no vestiário do São Paulo. A confusão ocorreu no intervalo da partida de ida da semifinal do Campeonato Paulista, contra o Corinthians, no Estádio do Morumbi, no dia 16 de abril. A informação foi divulgada pela ESPN e apurada pela Gazeta Esportiva.

Na ocasião, o treinador tricolor entrou no vestiário irritadíssimo pelo gol sofrido nos acréscimos da primeira etapa, que deixou o Timão com vantagem de 2 a 0 no placar. Além disso, o lance de fair play de Rodrigo Caio, em que o são-paulino avisou que Jô não havia cometido falta em jogada em que foi amarelado (o cartão seria o terceiro do corintiano), deixou Rogério Ceni ainda mais possesso.

Nervoso e aos berros, Ceni arremessou uma prancheta, que acabou acertando o meia Cícero. Ambos começaram a discutir e precisaram ser contidos pelos outros atletas e comissão técnica, apesar de o treinador afirmar que não era sua intenção.

Nos últimos dois jogos, o meio-campista não entrou em campo. Contra o Defensa y Justicia, na vexatória eliminação tricolor da Copa Sul-Americana, o atleta estava entre os relacionados, mas acabou cortado em cima da hora sob a alegação do clube de que estava gripado e com febre. O motivo foi o mesmo para deixar o jogador de fora da estreia do Campeonato Brasileiro, contra o Cruzeiro.

Publicamente, Rogério Ceni negou todo o entrevero com Rodrigo Caio e Cícero, mas nesta terça-feira, o fato foi confirmado pelo volante Jucilei e pela própria assessoria de imprensa tricolor. O clube, no entanto, nega que o atrito tenha sido especificamente com o meio-campista.

Durante esta semana, Ceni chamou diversos atletas do elenco para conversas individuais a respeito do desempenho do time e de cada atleta. Cícero e Rodrigo Caio foram dois dos escolhidos para dialogar com o treinador.

O São Paulo passa por uma reformulação no elenco e atletas podem deixar a equipe. A dupla tem permanência garantida no Tricolor, mas o atacante Neilton deve deixar o clube nos próximos dias. Além dele, o zagueiro Lugano tem renovação indefinida no clube. Por outro lado, o time do Morumbi segue somando forças para tentar a contratação do meia Everton Ribeiro, um dos desejos da diretoria.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Oportunidade

Praia Grande oferece 50 vagas gratuitas para oficina de fotografia

Inscrições começam na próxima segunda (22), no Palácio das Artes

Guarujá

Teatro Procópio Ferreira tem apresentações gratuitas na quinta (25)

Para complementar e fortalecer a mensagem passada na peça, será entregue um livro com a história encenada e outras atividades

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software