X
Esportes

Bruno Henrique mira fim do jejum e pede raça em 'decisão'

Sem marcar desde a oitava rodada do Paulistão, o atacante espera ser decisivo para o Peixe no duelo da próxima segunda, contra a Macaca, no Pacaembu

Bruno Henrique mira fim do jejum e pede raça em 'decisão' / Ivan Storti/SFC

O atacante Bruno Henrique, confirmado como titular para o confronto decisivo do Peixe contra a Ponte Preta, na próxima segunda-feira (10), no estádio do Pacaembu, espera findar um incômodo jejum de gols e garantir a classificação da equipe santista para a semifinal do Campeonato Paulista.

A última vez que ele balançou as redes foi na vitória sobre o São Bernardo, pela oitava rodada do torneio estadual. Na ocasião, em time recheado de reservas, o jogador foi destaque e marcou três vezes na goleada, por 4 a 1. De lá pra cá, porém, Bruno Henrique não voltou a balançar as redes.

“Atacante vive de gols, então sempre queremos marcar. Quero caprichar na segunda-feira para o gol sair e eu poder ajudar a equipe”, disse o atleta, em entrevista concedida ao site oficial do clube.

Derrotado, por 1 a 0, no jogo de ida, o Santos precisa de uma vitória por dois gols de diferença para assegurar a classificação à próxima fase. Vitória por um gol de diferença leva a decisão para os pênaltis. Para conseguir reverter a vantagem da Macaca, o atacante aposta na raça do elenco.

“Não faltará raça em campo. Temos que colocar o coração na ponta da chuteira e ir para cima. Vamos tirar tudo de dentro da gente para conseguir reverter este resultado”, completou.

Últimos testes

Visando a reação, o elenco do Peixe treinou com portões fechados neste sábado, no CT Rei Pelé. De acordo com a assessoria do clube, os jogadores intensificaram trabalhos de finalização e infiltração, além do exercício tático. Neste domingo, véspera da “decisão”, eles farão um treino mais leve.

O técnico Dorival Júnior quer aproveitar estes últimos dias para definir alternativas para o decorrer da partida. Em relação ao time titular, ele tem escalação praticamente definida. A tendência é que o lateral-esquerdo Zeca seja a única mudança em relação ao time que perdeu no duelo do último sábado. Com isso, o meia Jean Mota, que foi improvisado no setor, retorna ao banco de reservas.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Brasil

11 Estados e DF entram no STF contra teto de ICMS sobre combustíveis e energia

A ação ocorre depois de São Paulo e Goiás terem saído na frente reduzindo as alíquotas do ICMS

Mundo

Ao menos 51 pessoas são encontradas mortas em caminhão abandonado

Há suspeita de que as vítimas sejam imigrantes que entraram no país de maneira irregular

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software