X

Esportes

Brasil vive momento de incertezas no UFC após caso de doping de Anderson Silva

Ainda em alta no País, o MMA tem talentos e candidatos a donos de cinturão em diversas categorias

Pedro Henrique Fonseca

Publicado em 15/02/2015 às 12:28

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

O Brasil vive um momento de incertezas após o caso de doping de Anderson Silva, mas alguns lutadores mostram que existe uma luz no fim do túnel. Ainda em alta no País, o MMA (Artes Marciais Mistas, da sigla em inglês) tem talentos e candidatos a donos de cinturão em diversas categorias. São os casos de veteranos como Vitor Belfort, Lyoto Machida e Junior Cigano, de campeões como José Aldo e Fabricio Werdum, e promessas como Rafael dos Anjos, John Lineker, Edson Barboza, Gilbert Durinho, Thominhas Almeida e Claudinha Gadelha.

Em comum, todos querem se manter ou chegar ao topo. O sonho, quem sabe, é alcançar o status que atingiu Anderson Silva antes de perder o cinturão dos médios para Chris Weidman. O mais forte candidato no momento é Vitor Belfort, que tem 37 anos e vai disputar o cinturão contra o carrasco de Spider provavelmente no dia 23 de maio. Se vencer, ganhará seu terceiro cinturão no UFC e colocará mais um feito em sua carreira vitoriosa.

Além do “Fenômeno”, outros três lutadores que já tiveram o cinturão nas mãos e sonham com uma nova sequência vitoriosa podem brilhar na temporada. Lyoto Machida (36 anos), Junior Cigano (31) e Renan Barão (28) vão estar em ação. Lyoto encara Luke Rockhold em abril e, caso vença, pode ser o desafiante do campeão. Já Barão disputa no mesmo mês o título e quer retomar o cinturão das mãos de TJ Dillashaw. E Cigano é sempre um dos pleiteantes do título. E possível incluir nesse trio Ronaldo Jacaré, que tem 35 anos, ainda não perdeu no UFC em quatro lutas e está perto de disputar o cinturão. Ele encara o cubano Yoel Romero no fim do mês.

Dos brasileiros que estão no topo, José Aldo e Fabricio Werdum, a missão será complicada. Aldo é o melhor lutador nacional da atualidade, tem um cartel de 25 vitórias e apenas uma derrota no MMA, mas vai encarar em julho o bom e falastrão irlandês Conor McGregor, pelo cinturão dos penas. Em todas as defesas de cinturão, Aldo jamais perdeu. Já Werdum é campeão interino dos pesados, mas terá de colocar o cinturão diante do mexicano Cain Velasquez. A unificação do título será em 13 de junho, na Cidade do México.

Anderson Silva foi pego em exame antidoping (Foto: Divulgação)

Nova safra

Em 14 de março, Rafael dos Anjos vai subir no octógono para tentar tirar o cinturão das mãos de Anthony Pettis. Aos 30 anos, ele sabe que seu momento chegou. Nessa mesma categoria, a dos leves, outro brasileiro desponta com seus belos chutes: o carioca Edson Barboza, 29 anos, que é sexto no ranking e vai encarar o norte-americano Michael Johnson no primeiro evento do UFC em Porto Alegre, no próximo sábado. O lutador é um dos destaques do evento que terá como luta principal Pezão x Frank Mir.

Outro nome nacional que está começando a chamar a atenção é Gilbert Durinho, de 28 anos, pupilo de Vitor Belfort na academia Blackzillians. Invicto no MMA até agora, com nove lutas sem derrota, ele vai encarar no próximo mês o norte-americano Josh Thomson para ampliar sua sequência vitoriosa.

Entre os mais jovens se destacam John Lineker, 24 anos, que se não fosse o problema com a balança - ele costuma não bater o peso antes das lutas -, já teria disputado o cinturão. Com mãos pesadas, ele vem de vitória sobre Ian McCall no UFC 183, mesmo evento que teve o retorno de Anderson Silva, mas deve subir de categoria para não vacilar mais com o peso. Vale destacar também Thominhas Almeida, sensação de 23 anos que em 18 lutas no MMA nunca perdeu. Em abril, ele vai encarar o experiente Yves Jabouin para tentar subir degraus no UFC.

No feminino, Claudinha Gadelha vem de uma derrota para Joanna Jedrzejczyk por decisão dividida, em resultado muito contestado. Mas a potiguar de 26 anos está em segundo no ranking de sua categoria e agora vai encarar a irlandesa Aisling Daly em abril para se credenciar novamente para a disputa do cinturão.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Oportunidade

Praia Grande oferece 50 vagas gratuitas para oficina de fotografia

Inscrições começam na próxima segunda (22), no Palácio das Artes

Guarujá

Teatro Procópio Ferreira tem apresentações gratuitas na quinta (25)

Para complementar e fortalecer a mensagem passada na peça, será entregue um livro com a história encenada e outras atividades

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software