Blatter e Valcke lamentam mortes em acidente na Arena Corinthians

Escolhido para sediar a abertura da Copa do Mundo de 2014, o estádio tinha previsão de conclusão em dezembro deste ano

Comentar
Compartilhar
27 NOV 201315h43

O acidente na Arena do Corinthians já repercutiu na Fifa. Cerca de três horas depois da queda do guindaste no estádio da Copa do Mundo de 2014, o presidente da entidade máxima do futebol mundial, Joseph Blatter, e o secretário-geral, Jerome Valcke, se manifestaram para lamentar as mortes nas obras.

“Estou profundamente triste com a morte trágica de trabalhadores na Arena Corinthians. De todo coração, nossas condolências estão com as famílias”, escreveu Blatter, em sua página no Twitter.

Quase ao mesmo tempo, Valcke também emitiu seu comunicado de pêsames, ressaltando ainda que espera as respostas das causas do acidente, que, até o momento, tem duas mortes confirmadas.

Joseph Blatter lamentou o acidente na Arena Corinthians (Foto: Associated Press)

“Extremamente chocado com as notícias de São Paulo. Nossos pensamentos estão com as famílias das vítimas deste acidente. No momento, estamos aguardando mais detalhes por parte das autoridades, que estão investigando o acidente trágico”, afirmou.

Escolhida para sediar a abertura da Copa do Mundo de 2014, a Arena do Corinthians tinha previsão de conclusão em dezembro deste ano. No balanço divulgado pela construtora Odebrecht neste mês de novembro, a parcial era de 94% de obras realizadas. Porém, o acidente pode atrasar a entrega do estádio em Itaquera.