Bartomeu renuncia e deixa presidência do Barcelona

A renúncia de Bartomeu acontece um dia após ele negar os rumores de possível saída do clube

Comentar
Compartilhar
27 OUT 2020Por Folhapress22h00
Josep Maria Bartomeu deixa o Barcelona em meio a uma crise política e atritos com a tentativa de saída de Lionel MessiFoto: German Parga/FC Barcelona

Josep Maria Bartomeu não é mais presidente do Barcelona. De acordo com a imprensa espanhola, o dirigente apresentou a sua renúncia nesta terça-feira (27) e deixa o cargo máximo do clube catalão.

A decisão tomada por Bartomeu e seguida por outros dirigentes do clube ocorreu após uma reunião de urgência do Conselho de Administração do time catalão ocorrida no mesmo dia em que o fato veio a público.

A renúncia de Bartomeu acontece um dia após ele negar os rumores de possível saída do clube. Na segunda (26), o agora ex-presidente do Barcelona disse depois de uma extensa reunião com a diretoria que o pedido de demissão "nunca passou pela sua cabeça".

A decisão de Bartomeu pela renúncia se deu depois que o governo da Catalunha declarou que não havia impeditivos para a realização do referendo de voto de censura. A moção movida por mais de 20 mil sócios avaliaria a permanência do presidente e de outros dirigentes à frente do clube.

Como as autoridades alegaram que "não há impedimentos jurídicos, nem sanitários", Bartomeu deveria se reunir com caráter de urgência para anunciar a convocação do referendo ou apresentar sua demissão, o que foi feito nesta terça.

Josep Maria Bartomeu deixa o Barcelona em meio a uma crise política e atritos com a tentativa de saída de Lionel Messi no início da temporada. O craque argentino buscou a rescisão unilateral com base em uma cláusula contratual. Apesar da permanência no Camp Nou, o jogador havia deixado claro a sua insatisfação com a atual direção do Barcelona.

Nesta quarta (28), o Barcelona enfrenta a Juventus pela segunda rodada da fase se grupos da Liga dos Campeões. A equipe catalã vem de derrota no clássico contra o Real Madrid, por 3 a 1, pelo Campeonato Espanhol.