Banner gripe

Argentina decepciona e Holanda e Alemanha empatam

Ainda na rodada de ontem, o técnico do Chile, Claudio Borghi, foi demitido após derrota para a Sérvia

Comentar
Compartilhar
14 NOV 201222h23

Em Riad, a seleção principal da Argentina fechou o ano com uma atuação decepcionante e um empate sem gols com a Arábia Saudita, que ocupa o 112.º lugar no ranking da Fifa.

Mesmo com Messi, Agüero e Di María em campo, o time dirigido por Alejandro Sabella pouco ameaçou os donos da casa - que são comandados pelo holandês Frank Rijkaard. "É uma pena terminar um ano que foi bom com uma atuação assim. Não fizemos nada no primeiro tempo e melhoramos um pouco no segundo, mas só um pouco", disse Messi. "Vou embora de cabeça quente".

Com a equipe principal, a Argentina teve sete vitórias e dois empates em 2012. A única derrota foi no jogo de ida do Superclássico das Américas (2 a 1 para o Brasil, em Goiânia), mas neste confronto as duas equipes não contaram com jogadores que atuam em clubes europeus.

Holanda x Alemanha

Em duelo cheio de desfalques, Holanda e Alemanha ficaram no 0 a 0, em Amsterdã. Sem seus principais jogadores, as duas seleções fizeram um jogo fraco, sem gols e de poucas emoções, na despedida da temporada de 2012.

As lesões foram as responsáveis pelo corte de diversos jogadores nos últimos dias. Pela Alemanha, ficaram fora Klose, Mario Gomez, Schweinsteiger, Boateng, Khedira, Özil, Schmelzer e Kroos. Do outro lado, os atuais vice-campeões mundiais sofreram com as ausências de Sneijder e Van Persie.

Holanda e Alemanha ficaram no 0 a 0, em Amsterdã (Foto: Peter Dejong/Associated Press)

Outros Jogos

Em outros amistosos, o argentino Claudio Borghi, que dirigia o Chile, foi demitido depois da derrota para a Sérvia por 3 a 1, na Suíça.

O Uruguai derrotou a Polônia por 3 a 1, na cidade de Gdansk, com gols de Cavani e um de Luis Suárez.

Colunas

Contraponto