Árbitro do Derby não relata erro em súmula e cita xingamentos

No documento em que o árbitro precisa relatar todas as ocorrências do confronto para a Federação Paulista de Futebol, Peixoto não cita que aplicou o cartão amarelo ao jogador errado

Comentar
Compartilhar
23 FEV 2017Por Gazeta Press15h00
Árbitro do Derby não relata erro em súmula e cita xingamentosÁrbitro do Derby não relata erro em súmula e cita xingamentosFoto: Fernando Dantas/Gazeta Press

O árbitro Thiago Duarte Peixoto chegou a admitir após o clássico entre Corinthians e Palmeiras na última quarta-feira o grave erro que cometeu ao expulsar o alvinegro Gabriel por um lance em que o atleta sequer havia participado. No entanto, apesar de o equívoco ter sido reconhecido publicamente, o mesmo não aconteceu na súmula oficial da partida.

No documento em que o árbitro precisa relatar todas as ocorrências do confronto para a Federação Paulista de Futebol, Peixoto não cita que aplicou o cartão amarelo ao jogador errado, e ainda registra a expulsão de Gabriel normalmente. “Expulso, após ter sido advertido anteriormente com o cartão amarelo, por segurar seu adversário de número 27, o sr. Marcos da Silva França, impedindo um ataque promissor na disputa da bola”, diz a súmula no item expulsões, atribuindo ao camisa 5 uma ação que foi executada por Maycon.

Em outro item do documento, chamado “Observações Eventuais”, o árbitro pode dar informações extras sobre a partida. Nenhuma menção ao erro foi feita por Peixoto nesta área, entretanto, foram citadas ofensas verbais que o juiz recebeu no intervalo e após o final do jogo, na zona mista. Os ataques teriam partido de torcedores e dirigentes corintianos, que não são identificados no documento.