Apresentado pelo Grêmio, Barcos fala em gols, títulos e seleção

Na sala de conferência do Estádio Olímpico, menos de uma hora depois de desembarcar, Hernán Barcos foi oficialmente apresentado pelo Grêmio.

Comentar
Compartilhar
09 FEV 201317h38

Menos de uma hora depois de desembarcar em Porto Alegre, o centroavante Hernán Barcos já foi apresentado oficialmente pelo Grêmio como novo reforço do clube para a disputa da Libertadores. Na sala de conferências do Estádio Olímpico, o argentino comentou os motivos que o fizeram deixar o Palmeiras e aceitar a proposta gremista.

“Gosto de desafios, de saber que eu venho para um clube vencedor. Um time grande, que tem a obrigação de ganhar sempre. Quero disputar coisas importantes sempre. Quero fazer as coisas bem por aqui para poder voltar à seleção da Argentina”, afirmou Barcos, convocado algumas vezes pelo técnico Alejandro Sabella no ano passado.

Barcos vestiu a camiseta número 28, mesmo número de gols marcados no ano passado pelo Palmeiras. E ele pretende repetir a dose: “espero fazer muitos gols, mas é difícil falar em números. Este ano prometi 28, o número da minha camisa. Espero cumprir”, resumiu o centroavante.

Político, Barcos afirmou que “chega para somar”, em nenhum momento se considerando titular do Grêmio. Para a sua posição, o clube conta com Marcelo Moreno, artilheiro da temporada passada, e Willian José. Ainda não está definida a data de sua estreia com a camisa azul. O certo é que não será nesta quinta, contra o Huachipato, pela Libertadores, pois ele não será inscrito em tempo hábil para o confronto com os chilenos.

O centroavante argentino Hernán Barcos trocou o Grêmio pelo Palmeiras e foi apresentado no Estádio Olímpico (Foto: Lucas Uebel/ GFBPA)